Cinco evidências de que o show do Coldplay será o maior espetáculo do Rock in Rio

Chris Martin, vocalista do Coldplay, performando no Hampden Park em 23 de agosto de 2022 em Glasgow, Scotland. (Foto: Euan Cherry/Getty Images)
Chris Martin, vocalista do Coldplay, performando no Hampden Park em 23 de agosto de 2022 em Glasgow, Scotland. (Foto: Euan Cherry/Getty Images)

Coldplay é uma das atrações mais aguardadas do Rock in Rio 2022 e promete levar um grande espetáculo de luzes e cores para a Cidade do Rock. A banda se apresenta no dia 10 de setembro no festival de música e deve manter a estrutura grandiosa da turnê “Music of the Spheres”.

A nova turnê já passou pela Europa e deu spoilers do que o público pode esperar das apresentações no Brasil. Além do evento, a banda fará mais oito shows no país e tem performances agendadas por mais países da América Latina. Saiba o que esperar da passagem do grupo no festival:

  • Muitas referências ao universo

A era “Music of the Spheres” teve como uma de suas inspirações a franquia "Star Wars" e aborda temas como amor e união, usando metáforas sobre o universo. Em muitas imagens dos shows, é possível ver reproduções dos planetas do nosso sistema solar como parte da estrutura dos estádios.

  • Visuais grandiosos

De acordo com a “NME”, a banda proporciona surpresas de tirar o fôlego e emocionar os fãs. Antes mesmo de chegar a terceira música da setlist, eles proporcionam uma chuva de confetes, fogos de artifício e até bolas infláveis são jogadas na plateia.

Caso tragam a estrutura completa do palco, eles podem incluir uma passarela ligada a um segundo palco, que é menor, mas que proporciona um contato maior com o público presente.

  • Os maiores hits da carreira

Diferente dos shows da turnê, Coldplay terá um tempo menor para cantar no Rock in Rio. Headliner do dia com Camila Cabello, Rita Ora e Djavan, a apresentação está prevista para começar à 00h10 e deve ter uma média de 1h20 de duração.

Entre as músicas que estão cantando na turnê, estão: "Adventure of a Lifetime", "Paradise", "Charlie Brown", "The Scientist", "Viva la Vida", "Yellow", "My Universe", "Fix You", "Biutyful", "A Sky Full of Stars" e "Hymn for the Weekend".

  • Show de luzes

O site "PSFK" confirmou que a banda trará para o Rock in Rio as famosas Xylobands são pulseiras luminosas controladas por ondas de rádio e que transformam o público presente em parte ativa do espetáculo.

O dispositivo possui uma vasta variedade de cores e opera com grande sincronia. Elas funcionam através de um software controlado pela equipe responsável pela turnê, mudando de cor e movimento de acordo com as canções apresentadas.

  • Incentivo a sustentabilidade

Nos últimos anos, a banda começou a realizar diversas ações para tornar suas apresentações o mais sustentável possível. Levando o lema da "reduzir, reinventar e recuperar" para os fãs, os integrantes do grupo se empenharam no objetivo de cortar pela metade as emissões CO2 em comparação a sua última turnê.

Para isso, eles estão apoiando novas tecnologias verdes e vão gerar créditos de carbono com os shows. A banda também utiliza confetes biodegradáveis e contratou empresas com alternativas sustentáveis para diminuir as emissões de carbono nos voos.