Cidadão, William Bonner se revolta contra Bolsonaro e assume oposição

William Bonner se tornou definitivamente um dos principais algozes de Bolsonaro dentro do cenário político atual: o jornalista vem se posicionando sistematicamente nos últimos meses, deixando claro seu repúdio pelo governo e a política que culminou em mais de 500 mil mortos durante a pandemia da Covid-19.

Antes mais contido nas críticas diretas, Bonner não hesitou e passou a criticar Bolsonaro diretamente. Após o presidente intimidar e xingar a repórter da Globo Laurene Santos, Bonner ofereceu solidariedade à colega e afirmou que a atitude do presidente foi indefensável.

Leia também:

"A Globo e a TV Vanguarda repudiam o tratamento dado pelo presidente à repórter Laurene Santos, que cumpria apenas o seu dever profissional. Não será com gritos nem intolerância que o presidente impedirá ou inibirá o trabalho da impresa no Brasil. Esta, ao contrário dele, seguirá cumprindo seu papel com serenidade", disparou.

Ao falar sobre os ataques recebidos pela imprensa durante a gestão Bolsonaro, Bonner afirmou que os jornalistas precisam "esgrimar como loucos". "Nesse momento, infelizmente, além de dar as notícias, de trazer as informações corretas, nós estamos esgrimando com loucos, com irresponsáveis, com gente que é capaz de entrar num WhatsApp da vida e sair espalhando mentira a bel-prazer".

Após o Brasil atingir a marca de 500 mil mortos na pandemia, Bonner deixou claro que a responsabilidade da tragédia é do governo Bolsonaro.

“Hoje, é evidente que foram muitos e muitos graves os erros cometidos e eles estão documentos, por entrevistas, declarações, atitudes, manifestações. A aposta insistente e teimosa em remédios sem eficácia, o estímulo frequente a aglomerações, a postura negacionista e inconsequente de não usar máscaras, e o pior, a recusa em não assinar contratos para a compra de vacinas a tempo de evitar ainda mais vítimas fatais”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos