Chefe de marketing da Warner é afastada do cargo por desprezar filmes de heróis

(Imagem: divulgação Warner)

Cada vez mais perdida ao ver a supremacia da Marvel no gênero filmes de super-heróis enquanto suas produções têm desempenho abaixo do esperado, a Warner parece ter encontrado um bode expiatório. Sue Kroll, que há 23 anos ocupava o cargo de chefe de marketing do estúdio, foi afastada da posição e rebaixada para outro departamento.

Segundo fontes ouvidas pelo site The Wrap, pesou contra Kroll o fato dela “odiar filmes de super-heróis”. Foi uma decisão sua, por exemplo, esconder o Super-Homem em boa parte da campanha de divulgação de ‘Liga da Justiça’, o que foi considerado pela Warner um dos motivos pelo resultado aquém das expectativas do longa que reúne pela primeira vez os principais heróis da DC no cinema.

Apesar de ter se tornado um dos maiores sucessos de bilheteria de todos os tempos no Brasil, em termos de arrecadação bruta, o desempenho de ‘Liga da Justiça’ na América do Norte não agradou aos executivos do estúdio. Por lá, o filme ficou bem abaixo dos números de ‘Star Wars – Os Últimos Jedi’, ‘A Bela e a Fera’ e ‘Mulher-Maravilha’ (da própria Warner/DC), principais estreias do ano.

Por sinal, ‘Mulher-Maravilha’ foi um raro caso de filme da Warner/DC aprovado tanto pela maioria da crítica quanto pelo público. Resta saber se isso vai mudar com as mudanças na diretoria. O próximo filme do gênero a ser lançado pelo estúdio é ‘Aquaman’, em dezembro.