Cazares faz festa em sua casa, é denunciado por vizinhos, e pode levar uma multa de R$ 130 mil

Valinor Conteúdo

O meia Cazares, do Atlético-MG, parece ter dedicado sua energia em 2020 para a confusão e polêmicas. O jogador realizou uma festa em sua casa, na cidade de Lagoa Santa, Região Metropolitana de BH, que gerou muita aglomeração e atrito com os vizinhos, pois o jogador furou mais uma vez a quarentena preventiva contra o novo coronavírus.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Cazares fez a festa entre os dias 15 e 16 de maio, e menos de uma semana depois, foi diagnosticado com a Covid-19. Os vizinhos do atleta o denunciaram para a prefeitura local e a polícia, que foi ao local encerrar o evento. Agora, a Vigilância Sanitária de Lagoa Santa deve aplicar uma multa, que pode chegar a R$ 130 mil. A informação foi veiculada inicialmente pelo Globoesporte.com e confirmada pelo LANCE!.

Leia também:

O jogador do Galo desrespeitou as normas do decreto de Lagoa Santa que proíbe aglomerações. Os órgãos de saúde de Lagoa Santa estão procurando os presentes na festa para que eles fiquem em quarentena, já que com a confirmação do contágio por coronavírus de Cazares, outras pessoas podem ser portadoras do vírus.

No último domingo, 31 de maio, a assessoria de imprensa do Atlético-MG divulgou que Cazares testou positivo para Covid-19 e o afastou dos treinamentos no clube. O jogador apresentava quadro assintomático e está isolado, em quarentena.

Segundo relatos de órgãos de fiscalização de Lagoa Santa, Cazares já havia promovido outros eventos em sua casa durante a quarentena, quebrando mais de uma vez as regras de isolamento social.

A assessoria de imprensa do Galo informou que irá apurar os fatos e tomar as medidas cabíveis.

“Peladeiro” da quarentena


Não foi a primeira vez que Cazares “furou” a quarentena. Ele foi flagrado, ao lado de Otero, seu companheiro de clube, em uma “pelada” na Cidade de Santa Luzia, também na Região Metropolitana de BH, em uma quadra na cidade, que estava fechada justamente para manter o isolamento social.

Os dois jogadores do Galo foram filmados, tiraram fotos e o jogo foi até transmitido ao vivo em uma rede social. O Atlético se manifestou de forma branda, dizendo que iria reforçar as recomendações com os dois atletas sobre as regras que deveriam seguir na quarentena. Para Cazares, a recomendação parece não ter funcionado muito.

Em Minas Gerais, além de Cazares, mais dois jogadores foram confirmados com o novo coronavírus, em clubes da capital: o meia Matheusinho, do América-MG e o atacante Vinícius Popó, do Cruzeiro.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.