Caso Daniel Alves: dia a dia da vítima após denúncia inclui noites mal dormidas e remédios contra IST

Daniel Alves: vítima faz tratamento antiviral após jogador não ter usado camisinha em estupro - Reprodução, Instagram
Daniel Alves: vítima faz tratamento antiviral após jogador não ter usado camisinha em estupro - Reprodução, Instagram

Após denunciar Daniel Alves, a vítima, uma jovem de 23 anos, precisou readaptar a rotina com algumas mudanças devido ao estupro sofrido. Entenda.

Daniel Alves está preso preventivamente após ter sido acusado de assediar sexualmente e estuprar uma jovem em uma boate na Espanha. O depoimento da jovem, mais as provas encontradas fizeram com que o jogador recebesse uma ordem de prisão no dia em que se apresentou à polícia para dar sua versão do caso.

Após o ocorrido, a jovem de 23 anos preferiu manter o anonimato e se recusou a receber indenização. Agora, ela precisou adaptar sua rotina a novas tarefas após o ocorrido. Segundo a advogada da vítima, ela está fazendo tratamento psiquiátrico para tentar dormir melhor à noite.

Além disso, a jovem passou a tomar remédios antivirais para evitar infecções sexualmente transmissíveis, já que Daniel Alves não usou camisinha no ato sexual. A mulher também tenta ficar longe de sites e televisões, para não entrar em contato o tempo inteiro com a história.

"Ela está recebendo apoio psicológico por meio de uma entidade pública especializada em tratar vítimas de violência. O hospital prescreveu todo um tratamento dirigido a evitar qualquer tipo de doença infectocontagiosa, porque não foi utilizado nenhum preservativo. Ela também tem um tratamento farmacológico com ansiolíticos para poder dormir, mas me disse que não consegue desde o depoimento", disse Ester García Lopez, advogada da vítima.

Mulher de Daniel Alves toma atitude após prisão do...

Veja mais


Veja também

Preta Gil detalha efeitos da quimioterapia e confessa: 'Minha vida virou do avesso'
Pedro Scooby é detonado na web após expor fotos de Luana Piovani nua em processo contra atriz
O silêncio de Meghan Markle: por que a duquesa não se envolveu com o livro polêmico de Príncipe Harry?