Casa Gucci | Herdeiros dizem que filme é insulto à memória da grife

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Maurizio Gucci
    Empresário italiano
  • Patrizia Reggiani
    Socialite italiana

O lançamento de Casa Gucci nos cinemas parece estar agradando somente os fãs de Lady Gaga e o público geral. Pelo menos é isso o que estão dizendo os herdeiros de Aldo Gucci. Em comunicado, eles afirmaram que estão "desconcertados" com a representação do ex-presidente da marca no longa, que conta com direção de Ridley Scott.

"A produção do filme não se preocupou em consultar os herdeiros antes de descrever Aldo Gucci, presidente da empresa por 30 anos, e os membros da família Gucci como bandidos, ignorantes e insensíveis ao universo ao seu redor. Isso é extremamente doloroso do ponto de vista humano e um insulto ao legado em que a marca é construída hoje", diz o comunicado publicado pela agência de notícias italiana ANSA.

<em>Lady Gaga interpretou Patrizia Reggiani em Casa Gucci (Imagem: Divulgação/MGM)</em>
Lady Gaga interpretou Patrizia Reggiani em Casa Gucci (Imagem: Divulgação/MGM)

"Espetáculo irreal"

O texto ainda diz que Patrizia Reggiani, que ordenou o assassinato de Maurizio Gucci, foi retratada no filme como "uma vítima que tenta sobreviver em uma cultura corporativa machista" e que isso está longe de ser verdade. Os herdeiros se defendem dizendo que, durante os 70 anos em que a Gucci foi uma empresa familiar, era uma companhia inclusiva.

De fato, na década de 1980, quando se passa uma parte da história de Patrizia e Maurizio, a Gucci era conhecida por contar com várias mulheres em cargos de liderança, entre parentes e pessoas de fora da família. Por fim, o comunicado diz que está no direito de proteger o nome, a imagem e a dignidade da empresa em si e de pessoas que já trabalharam com ela.

<em>Alguns membros da família Gucci são aprofundados em Casa Gucci (Imagem: Divulgação/MGM)</em>
Alguns membros da família Gucci são aprofundados em Casa Gucci (Imagem: Divulgação/MGM)

"A Gucci é uma família que vive honrando o trabalho de seus antepassados, dos quais a memória não merece ser perturbada para criar um espetáculo irreal e que não faz justiça a seus protagonistas", conclui a declaração. Mesmo com a revolta, por enquanto nenhum membro da família da grife tomou medidas legais contra o filme Casa Gucci e seus envolvidos.

Casa Gucci conta a história de um dos maiores escândalos criminosos da década de 1990, quando Patrizia Reggiani, ex-esposa do diretor da grife, Maurizio Gucci, orquestrou o seu assassinato por ciúmes e por não concordar com as decisões do ex-marido.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos