Paolla ousa em fantasia e celebra desfile sobre Exu: “Permissão e proteção dele”

·2 min de leitura
Rainha de bateria, Paolla ousou em fantasia de Pombagira, representação feminina de Exu (Foto:  Amanda Perobelli / Reuters)
Rainha de bateria, Paolla ousou em fantasia de Pombagira, representação feminina de Exu (Foto: Amanda Perobelli / Reuters)

Resumo da Notícia:

  • Paolla foi rainha de bateria da Grande Rio

  • Atriz surgiu como Pombagira, representação feminina de Exu

  • Ao Yahoo, ela falou sobre fantasia e preparativos para desfile

Paolla Oliveira surpreendeu ao pisar na Marquês de Sapucaí como rainha de bateria da Grande Rio, em desfile na madrugada deste domingo (24). A atriz surgiu como Pombagira, representação feminina de Exu, orixá tema da escola neste ano.

Mais Carnaval 2022

Paolla foi um dos destaques da noite, ao usar uma fantasia com segunda pele muito fina e transparente, com tapa-sexo e lib nos seios, ambos em forma de fogo, além do costeiro da cabeça.

Rainha de bateria, Paolla desfilou como Pombagira, representação feminina de Exu (Foto:  Amanda Perobelli / Reuters)
Rainha de bateria, Paolla desfilou como Pombagira, representação feminina de Exu (Foto: Amanda Perobelli / Reuters)
Rainha de bateria, Paolla desfilou como Pombagira, representação feminina de Exu (Foto:  Amanda Perobelli / Reuters)
Rainha de bateria, Paolla desfilou como Pombagira, representação feminina de Exu (Foto: Amanda Perobelli / Reuters)

Em conversa com o Yahoo, ela contou mais dos rituais que fez durante o dia para o desfile da escola. “Pedi proteção e a possibilidade de um desfile em segurança, com todo o respeito. Um desfile com a potência energética de Exu e com a permissão e proteção dele”, contou.

Neste ano, a Grande Rio escolheu como enredo a desmistificação de Exu, mensageiro entre o mundo espiritual e os seres humanos. As fantasias e outros elementos apresentaram um visual mais rústico, com retalhos e materiais recicláveis.

Rainha de bateria, Paolla desfilou como Pombagira, representação feminina de Exu (Foto: Mauro Pimentel / AFP)
Rainha de bateria, Paolla desfilou como Pombagira, representação feminina de Exu (Foto: Mauro Pimentel / AFP)

Pelo desfile, a Grande Rio foi eleita como melhor escola do Grupo Especial, pelo júri do Estandarte de Ouro, prêmio O GLOBO/Extra aos melhores do Carnaval deste ano. A escola também ganhou como melhor bateria.

Considerada uma das favoritas a receber o título de campeã do Carnaval carioca, a escola terá os caminhos abertos pelo orixá, acredita Paolla. “A Grande Rio está na vice-liderança há alguns anos e talvez este seja o momento do nosso grito de campeão. Estamos merecendo”, vislumbra. “Falamos de abertura de caminhos. Da entidade de uma religião de matriz africana que fala sobre comunicação, sobre potência, sobre tudo que a gente precisa”, completa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos