Carmo Dalla Vecchia posa em foto com filho e agradece a marido

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
*ARQUIVO* SAO PAULO, SP, BRASIL, 05-03-2012: Carmo Dalla Vecchia durante o lancamento da nova grade de programacao da rede Globo, no Via Funchal, zona sul de Sao Paulo, em 05 de Marco de 2012. (Foto: Gabo Morales/Folhapress)
*ARQUIVO* SAO PAULO, SP, BRASIL, 05-03-2012: Carmo Dalla Vecchia durante o lancamento da nova grade de programacao da rede Globo, no Via Funchal, zona sul de Sao Paulo, em 05 de Marco de 2012. (Foto: Gabo Morales/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ator Carmo Dalla Vecchia, 50, compartilhou nesta terça-feira (9) uma foto com o filho Pedro, 2, de seu relacionamento com o autor de novelas João Emanuel Carneiro, 51. A foto foi feita pela revista Bazar Kids para ilustrar um relato feito pelo ator, em primeira pessoa, sobre a paternidade.

Vecchia abre o texto dizendo que Pedro o fez pai e uma pessoa melhor. "Ele é leve como uma nuvem e sorri o tempo todo. Que alegria poder falar que o meu filho é feliz. Amado sei que é: 'Dois pais', ele repete... 'Dois Pais'... Ele fala com a boca cheia do som dessa frase, depois, ri. Pula do colo de um para outro repetindo, 'agora o outro pai'", diz Vecchia.

O ator afirma que o filho ainda não sabe que veio de uma família disruptiva e que ele traz o novo. Vecchia questiona: "Mas que novo é esse?". O ator mesmo responde que para ele o conceito de família tem muito mais a ver com o lugar onde existe amor. "Ideias que não correspondam a isso, eu simplesmente excluo."

Vecchia revela que o filho nasceu no dia do seu aniversário e caiu no seu colo como um presente. Ele lembra da enfermeira olhando nos seus olhos e perguntando se ele era o pai. "E eu absorvendo a ideia e orgulhoso daquele momento disse: 'Sou eu'. Pois bem, ela jogou a fralda e falou imperativa: 'Limpa'", escreve.

O ator conta que agarrou a fralda das mãos da enfermeira e partiu para a tarefa sem prática, mas com a certeza que daquele dia em diante seria com ele. "Sou depois do meu avô e depois do filho dele, que foi meu pai, o próximo pai." Em seguida, o ator agradece ao marido João, a quem chama de coração, por abraçar a ideia de ser pai e "a metamorfose ambulante no percurso do maior amor de todos." "Desculpe, mas ser pai é babar muito e falar sobre o Pedro, eu babo. Fico besta! Fico meio abismado olhando os seus movimentos e tenho quase sempre a sensação de que o meu queixo cai. Antes dele nascer, eu queria um filho que fosse bom, mas veio uma criança colorida. Colorida e feliz. O meu filho deu-me os pés nas nuvens e também os fincou no chão", diz Vecchia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos