Carlinhos Mendigo sobre a ex-mulher: "Deveria fazer igual o goleiro Bruno fez"

Carlinhos Silva viveu o personagem Mendigo (reprodução / instagram @carlinhoshumor)

Carlinhos Silva, que viveu o personagem Mendigo por muitos anos no ‘Pânico na TV’, se revoltou nas redes sociais nesta quinta-feira (23) nas redes sociais. Ele chegou a citar o crime cometido pelo goleiro Bruno.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

O humorista iria buscar o filho na casa da mãe, mas aparentemente não conseguiu ter acesso ao filho. “Marcaram 11h da manhã para eu pegar meu filho, no dia do meu aniversário. Como em todas datas comemorativas como dia dos pais, natal, páscoa... Eu nunca tive um dia. A não ser que o pegue por umas duas horinhas”, comentou. Hoje é aniversário de 40 anos de Carlinhos.

Leia também

Entre um vídeo e outro ele citou o caso do goleiro Bruno. “Cada dia que passa mais eu entendo o goleiro Bruno. Tem gente que merece muito mais do que sequestrador, torturador, estuprador... Sequestrar e estuprar a mentalidade de uma criança menor, pode, né?”, escreveu.

Carlinhos também expressou em palavras sua referência. “Devia fazer igual o goleiro Bruno fez, mas a gente tem só que falar. Falar pode. Às vezes fazer também. Com seis anos você está na rua, c*&%$#@”, disse.

O humorista ainda questionou quem o defendia quando a mãe de seu filho não cumpria o acordo firmado na justiça. “Não temos uma lei que nos proteja nesses casos. Ela não cumpre tem oito anos. Quando não cumpro um... Pra quem eu mostro a decisão judicial se nem a polícia sabe o que é isso? (risos)”, completou.

Vale lembrar que o goleiro Bruno foi preso, julgado e condenado em 2010 a mais de 22 anos de prisão acusado pelo assassinato de Eliza Samúdio, a mãe de seu filho. No processo consta que ele e um comparsa mataram a modelo, a esquartejaram e deram os restos mortais para os cachorros do sítio dele comer. Ele saiu da prisão em 2019.