Carla Perez lembra época do É o Tchan: "Já desmaiei de dor e voltei pro palco sorrindo"

·2 minuto de leitura
No "Altas Horas", Carla Perez lembra época em que dançava no "É o Tchan". Foto: reprodução/TV Globo
No "Altas Horas", Carla Perez lembra época em que dançava no "É o Tchan". Foto: reprodução/TV Globo

Dançarina de axé no período em que o gênero musical estourou Brasil afora, Carla Perez passou por vários sacrifícios no auge do É o Tchan!, nos anos 90. Convidada do “Altas Horas” do último sábado (18), a loura lembrou de alguns perrengues por causa da intensa rotina de shows do grupo.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

“Quase um ano de Tchan foi com o joelho para operar, fazendo punção dentro do camarim para poder dançar. Já teve momentos de eu desmaiar de dor, me recompor e voltar para o palco sorrindo”, lembrou, em conversa com Serginho Groisman.

Leia também:

Hoje afastada dos palcos, Carla falou ainda sobre a quarentena em família, com o marido, Xanddy, e os filhos, Camilly Victoria e Victor Alexandre. E foi tietada pela outra convidada da noite, a humorista Dani Calabresa, que se declarou fã da dançarina desde a adolescência.

“Amor, pelo amor de Deus, eu sou fã, mas fã... Eu fui em um show, paguei e eles até tocaram no meu aniversário. Fiz esse investimento, meus pais não têm mais apartamento, mas valeu cada centavo”, brincou Dani. “Foi a melhor festa da vida. E eu amo muito por causa da Carla Perez.”

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos