Cantora Gloria Estefan revela abuso sexual aos 9 anos de idade

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Cantora Gloria Estefan
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

LOS ANGELES (Reuters) - A cantora Gloria Estefan revelou que foi abusada sexualmente aos 9 anos de idade, por um professor de música que era parte de sua família.

A cantora de "Turn the Beat Around" falou pela primeira vez sobre o abuso em um episódio de "Red Table Talk: The Estefans", que foi lançado no Facebook Watch na quinta-feira.

Ela não identificou seu abusador, mas disse que ele ameaçou matar sua mãe se ela falasse sobre o abuso.

"Ele era da família, mas não era da família mais próxima. Ele estava em uma posição de poder porque minha mãe havia me colocado na escola de música dele, e ele imediatamente começou a dizer que eu era muito talentosa e precisava de atenção especial, e se sentia sortuda por conta da atenção que ele me dava", disse Estefan, que hoje tem 64 anos.

"Eu disse a ele 'Isso não pode acontecer, você não pode fazer isso'. E ele disse: 'Seu pai está no Vietnã, sua mãe está sozinha e eu vou matá-la se você contar a ela", acrescentou a artista.

Estefan disse quando finalmente contou à sua mãe, ela chamou a polícia, mas foi desencorajada a levar a questão adiante na Justiça por conta do trauma pelo qual Estefan passaria se precisasse testemunhar.

(Reportagem de Jill Serjeant)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos