Cantora pop afegã foge do Talibã em avião americano: “Noites inesquecíveis”

·1 minuto de leitura
Aryana Sayeed conseguiu fugir do Afeganistão (Foto: reprodução / instagram @arayanasayeedofficial)
Aryana Sayeed conseguiu fugir do Afeganistão (Foto: reprodução / instagram @arayanasayeedofficial)

A tensão no Afeganistão está escalonando cada vez mais, principalmente para mulheres, que há 20 anos já tiveram direitos restringidos pelo governo do Talebã. A organização política tomou o país de assalto após a saída das tropas dos Estados Unidos e a fuga do presidente eleito.

Entre os cidadãos que conseguiram deixar o país fugindo do novo regime, que já foi muito autoritário e perigoso em outros tempos, está a cantora pop Aryana Sayeed. Uma das maiores estrelas da música do país, ela deixou o Afeganistão em um avião dos Estados Unidos rumo a Istambul, na Turquia.

Leia também:

“Estou bem e viva e depois de algumas noites inesquecíveis, cheguei a Doha, no Catar, e estou esperando meu voo de volta para casa em Istambul”, disse a artista que já foi jurada do “The Voice” local e é comparada à Kim Kardashian.

Hasib Sayed, marido de Aryana, fez um post em sua conta no Instagram para destacar a força da artista durante a fuga. “Ela adormeceu no momento em que descansou a cabeça logo após entrarmos no avião. Estava apenas olhando e me lembrando de quão bravamente e quão destemidamente ela lidou com os momentos mais difíceis e mais perigosos de sua vida”, publicou.

Ela ainda mandou uma mensagem para os fãs que não conseguiram deixar o país. “Espero e rezo por (bons) resultado das mudanças recentes, pelo menos meu lindo povo será capaz de começar a viver uma vida pacífica sem o medo de homens-bomba e explosões. Meu coração, minhas orações e meus pensamentos estarão sempre com você!”, concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos