‘Campeão de tudo’, lutador do Bellator cria evento de MMA no Rio de Janeiro

O veterano Leo Leite quer dar oportunidade a novos talentos do MMA (Foto: Bellator)

Leo Leite compete há décadas nas lutas, conquistando títulos no judô, jiu-jitsu e MMA até chegar ao Bellator, segunda maior franquia de MMA do planeta, em 2017. Agora, decidiu acumular a função de organizador de eventos.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

O peso-médio (84kg), que já fez parte da seleção brasileira de judô antes de migrar para o MMA e se tornar campeão de duas categorias no Legacy FC, estreará como cartola no dia 19 de janeiro à frente do Martial Arts Championship (MAC), evento de artes marciais mistas que acontece na AABB Lagoa, no Rio de Janeiro.

Veja outras notícias de MMA e lutas

Leite contou que a organização promoverá ainda um “Hall da Fama do MMA” no MAC, celebrando um nome da luta a cada edição. Ele faz mistério sobre o homenageado do card inaugural.

“Estamos montando um evento onde os atletas realmente são as estrelas principais”, Leite contou ao blog, garantindo confrontos equilibrados — ao contrário de muitos organizações que surgem para atletas terem um palco onde poderão “montar cartel” enquanto aguardam oportunidades fora do país. “Serão lutas equilibradas, sempre com atletas com um mesmo ou parecido número de vitórias e lutas”.

Profissional de MMA desde 2013, Leite está afastado da jaula do Bellator desde julho de 2018 devido a uma série de problemas de saúde, mas pretende voltar à ativa este ano. Nas outras modalidades, o carioca de 41 anos venceu o campeonato mundial de jiu-jitsu — batendo nomes como Fabrício Werdum e Zé Mario Sperry ao longo da carreira — e faturou títulos sul-americanos no judô.

“Um dos nossos principais pilares é a experiência do atleta, pois queremos dar as melhores condições para que ele entregue um grande show aos fãs”, explica o veterano, que será responsável técnico pelo projeto ao lado do ex-lutador Vitor Pimenta. “A consequência será uma grande experiência não só presencial, mas também aos que estarão acompanhando a transmissão”.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter