Camilla de Lucas, do 'BBB21', explica uso de perucas durante transição capilar; entenda processo

Gabriela Medeiros*
·4 minuto de leitura

Camilla de Lucas entrou de tranças no ''Big Brother Brasil 21''. Após quase dois meses de reality show, a influenciadora digital tirou os apliques e resolveu colocar as laces para jogo. Na segunda-feira, após a discussão sobre cabelos crespos entre Rodolffo e João, muitos internautas questionaram o fato da cria de Nova Iguaçu não usar as madeixas naturais. Ao sertanejo, a youtuber de 26 anos explicou que usa perucas porque está passando pela transição capilar e que pretende deixar os fios ''como os de João''.

''Eu uso isso aqui não é pra esconder meu cabelo. Eu uso aqui porque estou com o meu, que está aqui embaixo, fazendo uma transição. É pra deixar ele natural. Por eu amar meu cabelo, por eu agora aceitar ele. Porque é um ato de resistência. Pra gente resistir numa sociedade que brinca e zomba do nosso cabelo'', esclareceu a participante.

Na última semana, o perfil da Camilla no Twitter reforçou o que a sister explicou depois do jogo da discórdia: ''Ela ainda está em período de transição capilar. Então ela se sente mais a vontade em passar por esse processo usando tranças, laces e entrelaces. Mas ela tá no caminho pra deixar o cabelo 100% natural!''.

Mas o que é a transição capilar pela qual Camilla está passando? A transição é o processo de retirada de qualquer tipo de química que altera a forma original do cabelo, até o fio retomar à estrutura natural. O processo pode levar anos, já que é preciso cortar o cabelo até todo o alisamento sair dos fios. Camilla resolveu encarar a transição por causa da pandemia, após o fechamento temporário dos salões de beleza:

"Chegou a pandemia e eu pensei 'meu Deus, como vou fazer para cuidar do meu cabelo?', porque o salão tinha fechado. Acho que foi o que eu precisava para poder começar a conhecer mais o meu cabelo. Então decidi entrar na transição e estou aí até agora", contou a criadora de conteúdo de 26 anos em um vídeo do ano passado em seu canal no YouTube. Antes da decisão, ela fazia relaxamento nas madeixas crespas em um salão no Rio de Janeiro.

Essa não é a primeira transição de Camilla, que fazia procedimentos capilares desde a infância. Ela também já passou por isso em 2014, quando fez o primeiro ''big chop'' (o corte curtinho dos fios para retirar toda química de uma vez).

A sister fluminense acabou abandonando o processo por conta de comentários ofensivos sobre sua aparência. Depois dessa, ainda tentou deixar a química por mais 3 vezes, sem sucesso, por conta das mesmas razões e também dos trabalhos que fazia já no ambiente digital:

''Quando você está nesse processo o cabelo vai ficando feio, porque ele começa a quebrar, fica uma parte mais curta e outra maior, a raiz fica mais cheia e a ponta rala... Então, como eu sempre trabalhei com o meu cabelo aqui na internet, era complicado passar pela transição'', explicou a influenciadora em outro vídeo.

Mas e quando a auto estima, que já não era legal com duas texturas no cabelo, continua abalada com um novo corte? É aí que entram alguns artifícios que ajudam a conviver com a própria aparência sem sofrer com a espera pelo crescimento dos fios.

Dentro da casa mais vigiada do país, Camilla de Lucas apresentou duas soluções: primeiro ela usou tranças, com as quais ficou por quase 60 dias. Segundo a especialista Quênia Lopes, da TV Globo, a transição foi acertada, já que os apliques são práticos e poupavam Camilla de fazer todo o processo de finalização do cabelo crespo natural.

Depois de tirar as tranças, ela colocou uma lace comprida e ondulada. Além dessa, a sister também levou para casa outros dois modelos: uma loira curtinha e uma cacheada preta. Nas suas redes sociais, a youtuber adora mudar de visual e exibir diferentes versões de si mesma: ruiva, alisada, cacheada, loira... A principal características da lace é o aspecto natural, já que elas sao feitas com cabelo humano de alta qualidade. Com elas, Camilla pode testar produtos e penteados normalmente, conseguindo passar pela transição sem prejudicar seu trabalho na web.

''Estou há um ano em transição capilar, desde que começou a pandemia. O fato de não ir ao salão me ajudou a tomar essa decisão e a lace faz com que seja mais fácil", declarou ela dentro do reality.

A peruca também é queridinha de outras famosas, como Ludmilla. No sábado, a cantora usou, durante o show no ''BBB21'', uma peruca curta e lisa, e também foi questionada nas redes sociais. ''O fato de eu estar usando uma lace lisa não anula as minhas raízes, meu cabelo é crespo e meu local de fala sobre o racismo que eu sofro continuam. Não sejam ignorantes", declarou a artista nos stories do Instagram.