Camila Queiroz quer conciliar filhos com a agenda cheia

***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, BRASIL, 23/03/2019 - A atriz Camila Queiroz durante baile da revista Vogue no hotel Unique. (Foto: Greg Salibian/Folhapress)
***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, BRASIL, 23/03/2019 - A atriz Camila Queiroz durante baile da revista Vogue no hotel Unique. (Foto: Greg Salibian/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Mesmo cheia de projetos, a atriz e modelo Camila Queiroz, 28, revela que as conversas sobre uma gestação já têm se tornado mais frequentes dentro de casa com o marido, o ator Klebber Toledo, 35.

Entre um ensaio e outro para o desfile dela na grife Bold Strap da SPFW, na noite desta quarta-feira (1º), ela conversou com o F5 sobre essa possibilidade. "Quando nos planejamos muito podemos nos frustrar. Mas estamos começando a pensar nisso, sim. Quem sabe?", disse ela sorridente.

A ideia de gerar um bebê chega justamente num ano repleto de realizações profissionais. Camila rodou em fevereiro o filme "Procura-se um Marido", seu primeiro como protagonista com estreia a princípio nos cinemas e depois na HBO.

Além disso, gravou a segunda temporada de "Casamento às Cegas", que deverá chegar à Netflix no segundo semestre, e se prepara para filmar mais uma leva de episódios de "De Volta aos 15", também da Netflix.

Nesse meio tempo, ela arruma disposição para voltar às passarelas. "Perdi as contas de quantas vezes já desfilei na SPFW. Estou na moda desde 2007. Adoro as duas carreiras, ambas [modelo e atriz] falam de arte. Volto a exercer um pouquinho de tudo."

Camila diz que se considera básica e afirma que usa muitos looks do marido. "Inclusive vim com o moletom dele hoje", diverte-se.

"Ganho muita roupa, mas quem fica feliz com isso são as várias mulheres da minha família que recebem sempre coisas minhas", conclui ela em conversa com a reportagem.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos