Camila Queiroz está sendo queimada por cumprir seus acordos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·5 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Camila Queiroz cumpriu seu papel e foi criticada por isso (foto: reprodução / instagram @camilaqueiroz)
Camila Queiroz cumpriu seu papel e foi criticada por isso (foto: reprodução / instagram @camilaqueiroz)

Resumo da Notícia:

  • Camila Queiroz e a Globo não se acertaram para estender o contrato da gravação de "Verdades Secretas 2"

  • A emissora publicou uma nota afirmando que a atriz havia feito pedidos inaceitáveis 

  • Já a atriz afirmou que havia um pré-acordo em que sua posição estava assegurada 

Nas últimas horas a atriz Camila Queiroz viu sua vida profissional virar do avesso após a divulgação de um release da Globoplay. O comunicado informava que a atriz não estaria nas cenas finais de “Verdades Secretas 2” por divergências contratuais.

A atriz tem sido acusada nas redes sociais por não ter aceitado uma extensão de um contrato. Mas ela cumpriu o acordo original em sua totalidade, o que mostra que ela é uma profissional dedicada e comprometida com seu empregador. Mesmo em uma trama altamente sexual e com pouco conteúdo dramático.

Queiroz também é atacada por sofrer uma emergência médica durante a vigência do contrato de trabalho, mal que ninguém está livre de ser vítima por melhor saúde que tenha. O fato poderia ter acometido a qualquer uma das pessoas envolvidas com a gravação.

Até porque foi a pandemia, uma questão de saúde, que atrasou a gravação da trama por meses e ela esteve disponível para dar vida à personagem durante todos os adiamentos. O novo cronograma demandou que a emissora precisasse de parte do elenco por mais sete dias, mas e se muitos não estivessem disponíveis? Também receberiam repúdio público?

Camila ainda foi acusada de exigir “um compromisso formal de que faria parte de uma eventual terceira temporada da obra”. Ela se defendeu afirmando que “a diretoria da casa chegou a enviar para sua assinatura um pré-contrato manifestando explicitamente o seu interesse de mantê-la na terceira temporada de ‘Verdades Secretas’ como protagonista”.

Como assim? Se havia um pré-acordo, por que ele não foi cumprido? Um ditado popular diz que ‘o combinado, não sai caro’. Mas para a atriz a conta chegou rápido e alta. Um acordo com o empregador parece não ter sido cumprido em sua totalidade.

Ela chegou a ser chamada de “delirante” em grupos de jornalistas e nas redes sociais por querer “interferir em uma obra aberta”, mas não levaram em consideração que “Verdades Secretas 2” não estava aberta a modificações.

O que faria 'sentido' antes da pandemia já que esse era o padrão de trabalho - obra aberta.

No entanto, por conta da pandemia, as novelas estreiam praticamente completamente gravadas, foi assim com as três que estão no ar atualmente.

Por isso 'VS2' não é uma 'obra aberta', ela foi gravada quase integralmente antes de estrear.

Vida além do trabalho

Fora da Globo há cerda de um ano, porque quis sair, Camila foi potente em se levantar contra seu empregador, que não é qualquer um, e se posicionar. Nesta semana, o autor Walcyr Carrasco já havia sido alvo de críticas de Taís Araújo por uma novela realizada há 25 anos. O motivo foi sua intransigência com seu texto.

Na época, ele era contratado do SBT e escreveu “Xica da Silva”, na extinta Manchete, com um nome falso para que Silvio Santos e sua equipe de dramaturgia não descobrissem.

Carrasco já esbravejou publicamente quando Marina Ruy Barbosa se recusou a cortar os cabelos em “Amor à Vida”, de 2013. Ele matou a personagem e transformou em um fantasma na trama. Claudia Raia foi explodida em “Sete Pecados”, em 2007, após desentendimentos com o autor. Vilã em “Chocolate com Pimenta”, de 2003, Elizabeth Savala ficou muda no ar por duas semanas só porque improvisava em cima do texto escrito.

Dois pesos e duas medidas

Em episódios anteriores a Globo foi mais branda ao noticiar a saída de figurões da casa. Mas não saíram por romper contratos ou não renová-los, como Camila, e sim por estarem diretamente ligados a casos públicos de suposto assédio ocorridos dentro dos muros dos Estúdios Globo.

É verdade que a diretoria do canal era outra quando os casos de Marcius Melhem e José Mayer vieram à tona. Os executivos, aliás, caíram todos em seguida. Desde a chefia que lidava diretamente com o elenco até o todo poderoso do conglomerado.

Em dezembro de 2020, a revista "Piauí" publicou que foi cantado, na jacuzzi da casa de serra do então diretor do núcleo de humor do canal, que “não tem compliance lá [Globo], não tem compliance lá, não adianta reclamar no DAA”. A siga diz respeito ao Departamento de Acompanhamento Artístico, ocupado por Mônica Albuquerque. Ela atuou na emissora por 21 anos, sete à frente da diretoria 'DAA'. 

Atualmente ela está na WarnerMedia, responsável pela HBO e HBO Max, como General Entertainment na América Latina. 

A publicação, inclusive, está proibida judicialmente de publicar qualquer reportagem a respeito do caso. 

Entenda o imbróglio

Toda a confusão começou no que poderia ser apenas um informativo - afinal, era um funcionário questionando sua empresa. Quem nunca? -, explicando sua não continuidade. Em um tom ofensivo, a Globoplay expôs seu lado de uma negociação contratual e, implicitamente, acusou a arista de ‘estrelismo’.

Com o poder de disseminação da maior emissora de televisão do mundo, o texto ascendeu a fagulha para que a internet criticasse e acusasse Camila de forma rude e desrespeitosa, principalmente por ela ter sido, por anos, um ativo valioso do canal dos Marinho. A atriz foi colocada em uma fogueira pública.

Em uma carta, horas depois, Queiroz explicou seu lado da negociação e contradiz informações publicadas pela emissora. Revelou, inclusive, que parte dos pedidos “inaceitáveis” alegados pelo conglomerado já haviam sido pré-acordados entre as partes, ou seja, não faziam parte de um delírio unilateral.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos