Camila Pitanga e Maria Casadevall querem falar sobre aborto seguro: “Questão de saúde pública”

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Camila Pitanga e Maria Casadevall para a campanha Moda Pela Vida das Mulheres  (Foto: Bruna Castanheira)
Camila Pitanga e Maria Casadevall para a campanha Moda Pela Vida das Mulheres (Foto: Bruna Castanheira)

Camila Pitanga e Maria Casadevall estão juntas para provocar uma conversa franca com homens e mulheres sobre um assunto necessário: o aborto legal. A iniciativa faz parte da campanha “Moda Pela Vida das Mulheres”.

A ação é uma iniciativa revolucionária idealizada por um grupo de mulheres e marcas que compartilham da mesma ideia: usar a moda como meio de transformação da sociedade brasileira, ao mesmo tempo em que ajudam a garantir o acesso ao aborto legal e seguro para as mulheres brasileiras.

Leia também:

“Um projeto que usa a linguagem da moda pra falar de aborto legal e seguro é um sopro de esperança e criatividade nesses tempos sombrios em que os direitos não só das mulheres estão sendo duramente atingidos”, reforça Camila Pitanga, que é também Embaixadora da ONU Mulheres Brasil.

Com curadoria de Ana Wainer e Alix Duvernoy e organização de Maíra Marques, o projeto chega às ruas nessa semana. “Esse é um debate que deveria mobilizar tanto homens quanto mulheres, para que a gente possa ultrapassar o âmbito moral dessa questão, garantido de uma vez por todas à mulher o direito a escolha sobre seu próprio corpo, e passar a encarar o aborto como uma questão de saúde pública, garantindo a todas essas mulheres o acesso amplo, irrestrito, legal e seguro ao aborto, se essa for sua escolha”, afirma Maria Casadevall.

Ao todo, 24 marcas brasileiras colaboraram com cerca de 80 peças de roupas, acessórios e joias. Focadas em uma produção pequena, artesanal e de alta qualidade, elas podem ser adquiridas através do site do projeto com descontos a partir de 30%. Vale ressaltar que, por conta do modelo de negócios, estas marcas não oferecem descontos casualmente.

Todo o valor arrecadado é inteiramente dirigido para a operação “Milhas Pela Vida das Mulheres”, uma rede de ajuda que garante acesso ao abortamento seguro dentro do Brasil nos casos previstos em lei (risco de vida para a mãe, feto anencefálo, violência sexual). Ou em países vizinhos com leis mais amplas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos