Camila Loures é criticada por expor motorista; Uber diz que profissional segue na plataforma

Camila Loures teve o nome entre os assuntos mais comentados após situações com motorista de aplicativo (Foto: Instagram/@camilaloures)
Camila Loures teve o nome entre os assuntos mais comentados após situações com motorista de aplicativo (Foto: Instagram/@camilaloures)

Camila Loures entrou para os assuntos mais comentados da noite de quarta-feira (18) após passar por um momento classificado por ela como "desesperador" em uma viagem com o aplicativo de transportes Uber. Chorando, a influenciadora digital disse que foi expulsa do carro após pedir ao motorista para que ele fechasse os vidros do veículo. O homem teria negado, alegando os protocolos de segurança contra a Covid-19, e pedido para que ela descesse do automóvel e solicitasse outra viagem.

Após desabafar sobre a situação aos prantos, Camila voltou às redes sociais para expor o perfil do motorista. O homem em questão se chama Marcos, trabalha na empresa há cinco anos e tem nota 4,93 no aplicativo, o que é considerado uma alta avaliação.

Isso foi o suficiente para que internautas se manifestassem sobre o caso e criticassem a influenciadora digital. Tanto que muitos se mobilizaram para que a Uber não agisse contra Marcos e assegurasse que ele continuaria trabalhando na empresa.

O Yahoo entrou em contato com o aplicativo de transportes na tarde de quarta-feira (18), mas ainda não obteve retorno. Ao jornalista Fefito, a empresa explicou no Twitter que o motorista "segue ativo na plataforma".

Ainda na noite de quarta, Camila apareceu com Rico Melquiades nos stories do Instagram e pediu para que o amigo esquecesse a história, uma vez que já teria resolvido com a Uber. Camila garantiu: "Meu intuito não era ferrar o cara, é só que na hora eu fiquei tão aflita", justificou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos