Cafés e bares com lojas de plantas espalham suas raízes por SP

Quintal do Centro é opção para tomar um café e comprar uma planta (Foto: Divulgação)

Por Bruno Dias

Está cada vez mais comum andar por bairros de São Paulo e encontrar pessoas carregando vasos de plantas. São moradores da capital paulista que, cansados de tanto concreto, estão transformando suas casas e apartamentos em verdadeiras florestas.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Com o crescimento da demanda, espaços frequentados pelos amantes da botânica passaram a oferecer opções que vão além das plantinhas, com cafés, comidinhas, exposições e até espaço exclusivo para passar o dia trabalhando em meio ao verde.

Conheça alguns desses lugares e programe uma visita com os amigos.

Jardin do Centro

Misto de coworking, café e loja de plantas, o Jardin é quase um oásis no centro de São Paulo. Localizado em frente à Praça do Rotary, o local oferece várias opções de comidinhas veganas e tem uma decoração cheia de móveis retrô, misturando mesas compartilháveis com sofás aconchegantes.

Dá pra passar o dia trabalhando por lá: o espaço custa R$ 15 a diária e conta até com sala de reuniões. Uma dica é aproveitar o combo de almoço (bebida de 200ml, prato do dia, café espresso ou coado, brigadeiro ou churros) que custa R$ 35.

São muitas opções de plantinhas para decorar a casa ou dar de presente, como pequenos abacaxis roxos, a partir de R$ 15.

Endereço: Rua Gen. Jardim, 490 - Vila Buarque.

Horário: Segunda a sábado das 9h às 19h, domingo das 10h às 14h.

Coffee Stories

Pertinho do icônico Copan, o Coffee Stories tem inspiração modernista e sua decoração homenageia o artista plástico e paisagista Burle Marx. Cheio de plantinhas espalhadas pelo local (todas à venda), o local conta com mesas compartilháveis e opções para sentar sozinho, e passar o dia trabalhando por lá.

A proposta da casa é oferecer uma carta de cafés sem complicação, traz um único tipo de grão, a R$ 10, com quatro métodos de extração: Aeropress, Clever, Expresso e Batch Brew. O expresso também possui uma opção refrescante misturado a gelo e tônica rosé (R$ 9), perfeito para acompanhar a generosa rabanada com mel e frutas da estação (R$ 17).

As plantinhas à venda por lá são fornecidas pela Botânica e tal, dá pra levar um vasinho de Asplênio por R$ 38.

Endereço: R. Maj. Sertório, 92 - Vila Buarque.

Horário: segunda a sexta das 8h às 20h, sábado das 9h às 17h.

Quintal do Centro

No comecinho da badalada Barão de Tatuí está o Quintal, irmão mais novo do Jardin do Centro. A proposta é a mesma - café, coworking e loja de plantas -, mas a unidade da Santa Cecília tem um clima de casa de vó.

Até o fim de maio, o espaço de coworking é gratuito. Depois a diária custará R$ 15, assim como no Jardin. Em meio à correria do centro de São Paulo, dá pra fazer uma pausa e tomar um café com leite de castanha (R$ 6) e comer uma fatia do delicioso bolo vegano de chocolate com ganache (R$ 8).

Tá precisando de ajuda para decorar pequenos ambientes? As suculentas e cactus saem por R$ 9 e são perfeitas.

Endereço: R. Barão de Tatuí, 95 - Santa Cecília.

Horário: segunda a sábado, das 9h às 19h.

Botanista Café e Plantas

Botanista fica pertinho do Larga da Batata, em Pinheiros, e vai além do misto loja de plantas e café, pois também abriga exposições de arte de artistas femininas.

São muitas plantinhas espalhadas pela charmosa casinha, todas à venda, e kits especiais de presente (velas, aromatizadores, sais de banho e sabonetes veganos).

Todos os dias é possível provar algumas especialidades da casa, como o waffle de pão de queijo com ovo mexido cremoso e salada verde (R$ 20), sanduíche de costelinha (R$ 18) e o sorvete de creme com nutella e calda de frutas vermelhas (R$ 18).

Para beber, uma ótima opção é o chá gelado com erva cidreira, melado e gengibre (R$ 6). Aos sábados, a casa também oferece um delicioso brunch.

Endereço: R. Amaro Cavalheiro, 138 - Pinheiros.

Horário: terça a sexta das 11h às 19h, sábado das 10h às 16h.