Café: a quantidade ideal para o prazer não virar problema de saúde

Redação Vida e Estilo
This is a photograph of Hot coffee
Nada em excesso faz bem (Getty Images)

É como diz o ditado: tudo o que é consumido em excesso faz mal. E para o café, essa premissa não é diferente. Apesar de alguns estudiosos falarem que o consumo moderado do café pode trazer benefícios como diminuir o risco de diabetes e Alzheimer, por outro lado, tomar altas doses da bebida pode trazer problemas para a saúde. Saiba quais são eles:

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Café possui cafeína, um estimulante que pode trazer danos

O café é composto em grande parte por cafeína, um composto químico classificado como estimulante e que, em altas doses, pode sobrecarregar o Sistema Nervoso Central. Se consumida em excesso, é possível que a bebida cause alterações de humor como irritabilidade e ansiedade. Além de dor de cabeça e insônia.

Leia também

Café funciona como laxante para o bem e o mal

O café age como um laxante natural. Consequentemente, ele estimula a evacuação, além de poder provocar cólicas estomacais em pessoas com maior sensibilidade.

Pode provocar confusão mental

Apesar de, segundo alguns estudos, auxiliar a diminuir o risco do desenvolvimento do mal de Alzheimer, o uso excessivo do café pode comprometer a percepção cognitiva, podendo provocar sintomas como enjoo, confusão e até lapse mental.

Irritação no intestino

Não é apenas no humor que o café causa mudança, ele também faz parte da lista de alimentos que podem irritar as paredes do intestino, causando desconforto – não sendo recomendável para quem sofre de gastrite ou úlcera.

A recomendação é consumir no máximo 400mg por dia

Um estudo realizado em 2003, por pesquisadores da agência de vigilância sanitária do governo canadense Health Canada, apontou uma recomendação que é utilizada mundialmente: 400mg de cafeína por dia para adultos é uma quantidade dentro do limite seguro de consumo – isso equivale a aproximadamente 4 xícaras de 50ml de café expresso.