Cássia Kis é processada após fala homofóbica. Entenda!

Durante a semana, o nome de Cássia Kis ficou em alta. Primeiro porque, em uma entrevista para Leda Nagle, a atriz pronunciou falas homofóbicas. Em seguida, ela escreveu um comentário polêmico em uma foto na qual aparece dando selinho em Lúcia Veríssimo. Por fim, Cássia foi flagrada em uma manifestação antidemocrática e terminou a semana recebendo diversas denúncias de funcionários da Globo.

Sobre as falas homofóbicas na entrevista para Leda, Cássia ainda está sofrendo algumas consequências. Isso porque o Grupo Arco-Íris, ONG que cuida dos direitos da população LGBTQIA+, processou a atriz.

Na ação, a ONG repudia as falas de Cássia, que afirmou na entrevista que "casais homoafetivos 'não dão filho'" e que eles pretendem "destruir a vida humana".

"[As declarações] claramente carregam teor discriminatório e preconceituoso aos casais homoafetivos e à comunidade LGBTI+ ao questionar a validade da sua existência", disse a declaração da ONG.

O grupo pede que seja apurada a ocorrência de crime, com a possível abertura de ação penal. Além disso, ainda é pedido uma indenização no valor de R$ 230 mil.

Cássia Kis teria sido vetada de programas da Globo após falas

Segundo informações do "Notícias da TV", Cássia Kis foi desconvidada a participar de alguns programas da Globo, após ter entrevistas programadas. Segundo a publicação, a...

Veja mais


Veja também

Neymar pode prestar depoimento após fala homofóbica contra Tiago Ramos. Entenda!
Web 'cancela' Cassia Kis após fala homofóbica e envolve Jade Picon na polêmica
Leonardo é criticado após fala polêmica sobre 'raparigas': 'Não tem respeito pela mulher'. Entenda!