Bruna Marquezine acompanha show gospel da amiga Priscilla Alcântara na Virada Cultural

Bruna Marquezine prestigia a amiga Priscila Alcântara na Virada Cultural em . SP (Foto: Guilherme Mendes/AgNews)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Gritos de "Espírito Santo", um cover de "Shallow" e lágrimas marcaram o show de Priscilla Alcântara no começo da Virada. Ela abriu o palco Sé, de música cristã, reunindo cerca de 2 mil pessoas, incluindo a atriz Bruna Marquezine, que tirou selfies e interagiu com a plateia.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Com um repertório baseado no disco "Gente" (2018), a cantora encantou menos pelas canções pops que alternam explosões de intensidade com melodias emotivas do que pela presença de palco e pelos discursos de superação.

Bruna Marquezine posa com fãs na Praça da Sé, em SP (Foto: Guilherme Mendes/AgNews)

Conhecida também por ter apresentado o programa "Bom Dia & Cia", do SBT, ela emocionou o público ao falar de Deus. "Se você é um cristão, você é a Bíblia que o mundo vai ler", disse. "Para você que não se considera um cristão, estamos aqui para te servir."

Bruna curte show gospel na Virada Cultural em São Paulo (Foto: Guilherme Mendes/AgNews)

O momento mais aguardado foi o cover de "Shallow", premiado hit de Lady Gaga com Bradley Cooper que já ganhou diversas versões em português. Priscilla cantou a música em inglês, mas fez uma introdução convidando o público a ter "uma relação profunda" com Deus.

Ao violão, ela encerrou o show cantando a balada "Espírito Santo", em que o público, já emocionado, cantou junto. "Se eu não estiver na Virada do ano que vem, é para vocês reclamarem", pediu, antes de sair de cena.