Britney Spears dará 1º depoimento em audiência sobre sua tutela em 13 anos

·2 minuto de leitura
FILE - This April 12, 2018, file photo shows Britney Spears at the 29th annual GLAAD Media Awards in Beverly Hills, Calif. A Los Angeles judge will consider whether to extend a temporary restraining order Tuesday, May 28, 2019, that keeps Sam Lutfi, a former associate of Spears, away from her and her family. (Photo by Chris Pizzello/Invision/AP, File)
FILE - This April 12, 2018, file photo shows Britney Spears at the 29th annual GLAAD Media Awards in Beverly Hills, Calif. A Los Angeles judge will consider whether to extend a temporary restraining order Tuesday, May 28, 2019, that keeps Sam Lutfi, a former associate of Spears, away from her and her family. (Photo by Chris Pizzello/Invision/AP, File)

Britney Spears pediu para falar perante um tribunal na batalha legal sobre o controle que seu pai tem sobre sua vida e seus negócios, informou seu advogado nesta terça-feira (27).

 A cantora pop norte-americana de 39 anos é o centro de uma campanha online conhecida como "Free Britney", promovida por fãs que acreditam que a tutela em vigor desde 2008 deveria acabar. Ela mesma, porém, raramente fala de forma direta sobre o assunto.

Leia também

 Um juiz de Los Angeles marcou uma audiência para 23 de junho após um pedido de seu advogado, que não explicava por que a cantora queria se dirigir ao tribunal.

 O interesse no caso judicial de Spears explodiu após o lançamento em fevereiro do documentário "Framing Britney Spears", que narra o midiático colapso que resultou na tutela legal de seu pai sobre suas finanças.

 Spears entrou com um pedido no ano passado para remover seu pai, Jamie Spears, da tutela e dar poder exclusivo sobre seu patrimônio a uma instituição financeira. Seu advogado, nomeado pelo tribunal, disse que ela tinha "medo" do pai.

 Um juiz decidiu em fevereiro que o pai de Spears e o Bessemer Trust supervisionariam juntos as finanças da estrela pop, negando o pedido de Jamie Spears para manter o poder exclusivo de delegar investimentos, embora o caso esteja ainda em andamento.

 Spears afirmou que ficou "envergonhada" com sua representação no documentário, no qual fãs dizem que ela está essencialmente sendo mantida prisioneira e alegam que ela tem enviado pedidos de ajuda codificados.

 De acordo com os advogados de Jamie Spears, ele fez um excelente trabalho gerenciando as finanças de sua filha.