Britney Spears acusa pai de destruir autoestima: "Jogou baixo para eu me sentir feia"

Britney Spears (Foto: Getty Images)
Britney Spears (Foto: Getty Images)

Prestes a lançar um livro que promete expor todos os detalhes do período em que viveu sob o controle da família, Britney Spears tem usado as redes sociais para revelar parte dos abusos físicos e psicológicos sofridos, principalmente ao longo dos últimos 15 anos. Nesta terça-feira (11), por exemplo, a cantora acusou o pai, Jamie Spears, de fazer comentários impiedosos e até criar situações constrangedoras com o objetivo de que ela se sentisse mal com a própria aparência.

"Eu costumava me sentir bonita quando estava tranquila, contente e ao natural. Depois, me senti caótica, e me senti tão viva naqueles dias de loucura. Mas, na tutela, me senti nada. Eu estava triste, com o olhar vazio nas sessões de foto, e tinha que seguir orientações [de Jamie]", começou a artista. "Meu pai sempre me disse que eu estava gorda. Então, nunca me senti suficientemente boa ou bonita. [...] Espero que um dia eu volte a encontrar a essência de me sentir bonita. Meu pai trabalhou muito para que eu sempre me sentisse o oposto disso. Ele jogou baixo, ele foi o mais baixo para eu me sentir feia", continuou.

Britney ainda surpreendeu ao relatar um episódio em que Jamie teria comparado o corpo dela ao de um de seus namorados, provavelmente Sam Asghari. "Ele falou que o corpo do meu namorado era perfeito e que eu precisava melhorar o meu porque não estava em forma. Que tipo de pai fala isso? Sim, eu sabia que o corpo dele era muito melhor do que o meu, mas achava que eu estava tão mal assim. Minha família sempre fez eu me sentir mal para que eles parecessem melhores do que eu", desabafou.

Em outro trecho do texto, a cantora reforça um post feito há algumas semanas, no qual alega que o pai costumava escolher bailarinas bem mais magras do que ela só para que ela parecesse gorda e, consequentemente, ficasse fragilizada. "Eu tinha duas dançarinas até ele assumir o controle de tudo e incluir outras seis dançarinas. Eu sempre de branco e elas de preto. Uma visão muito bonita para todos os homens com os quais eu saísse", relembrou a eterna Princesa do Pop.