Brad Pitt diz que não é suicida e que há muito amor no mundo

(Foto: Chris Pizzello/Invision/AP)

Depois do processo de divórcio com Angelina Jolie, o ator Brad Pitt tem dado entrevistas bem polêmicas por aí. Para a revista “GQ”, ele assumiu no começo do mês que andava bebendo muito e estava largando o álcool, deixando os fãs preocupados com uma possível depressão.

Agora ele voltou a falar, dessa vez para tranquilizar quem admira seu trabalho e espera vê-lo nas telonas por muito tempo. À “Associated Press”, Brad declarou que não é um suicida e não pensa na morte: “Há muita beleza no mundo e muito amor. E muito amor para ser dado. Está tudo bem. Isso é a vida”, afirmou.

Ele também disse que não tem segredos e nada a esconder sobre tudo o que aconteceu entre ele e Angelina. Com a ex-mulher, o ator tem três filhos: três adotados e três biológicos.