Bolsonaro não apresentará exames de coronavírus e vai recorrer; prazo acaba hoje

Presidente Jair Bolsonaro realizou dois exames para coronavírus, nos dias 12 e 17 de março (Foto: AP Photo/Eraldo Peres)

O prazo para que o presidente Jair Bolsonaro apresente os resultados dos exames feitos para saber se ele estava com coronavírus acabam nesta quinta-feira. No entanto, o presidente afirmou que não apresentará.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

Em frente ao Palácio da Alvorada nesta manhã, Bolsonaro disse que a advocacia geral da União deve ter recorrido da decisão. “Se nós perdermos o recurso, aí vai ser apresentado. Mas vou me sentir violentado” afirmou. O presidente argumenta que a lei preserva a intimidade, o que vale desde o presidente até o cidadão mais simples, nas palavras de Bolsonaro.

Leia também

"Você sabe que tem uma lei que garante a intimidade, né? Se nós dois estivermos com uma doença grave não somos obrigados a divulgar o laudo. Essa é uma lei e lei vale para todo mundo", disse.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

O jornal O Estado de S. Paulo conseguiu o direito de conseguir “os laudos de todos os exames” feitos por Jair Bolsonaro na Justiça Federal. O prazo para que os resultados fossem apresentados foi de 48 horas e acaba hoje.

O presidente afirmou que vai a Porto Alegre e os exames não serão apresentados. Bolsonaro fez testes para coronavírus duas vezes: nos dias 12 e 17 de março, depois de voltar dos Estados Unidos, de uma missão especial com Donald Trump. Pelo menos 23 integrantes da comitiva foram infectados pelo novo coronavírus.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.