Boca Rosa elogia Lula no JN e diz que perdeu seguidores após declarar voto

*Arquivo* SÃO PAULO, SP, 16.09.2019 - A empresária e influenciadora digital Bianca Andrade, conhecida também como Boca Rosa, que declarou voto em Lula. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
*Arquivo* SÃO PAULO, SP, 16.09.2019 - A empresária e influenciadora digital Bianca Andrade, conhecida também como Boca Rosa, que declarou voto em Lula. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A empresária e influenciadora digital Bianca Andrade, 27, conhecida também como Boca Rosa, contou em seus Stories do Instagram que perdeu seguidores após declarar que irá votar em Luís Inácio Lula da Silva (PT) no primeiro turno das eleições.

Ela afirmou que não se surpreendeu ao ver o número diminuir. "Perdi seguidores, mas era uma coisa que eu já imaginava que fosse acontecer. Não imaginei que eu fosse falar e que todos fossem abraçar a minha opinião ou respeitar a minha opinião", começou.

"Mas para você que está comigo, conhece a minha história, sabe de onde eu vim, você vai entender meu posicionamento, que não vai fazer o menor sentido eu votar e um cara que não defende nada do que eu acredito", completou ela, após a entrevista do político ao Jornal Nacional.

"Vi uma galera falando ontem, 'me admira você, uma empresária'. Gente, eu faço parte de uma nova geração de empresários, uma geração que está cansada de sentar com as mesmas pessoas. Quero que na minha mesa de empresários tenha mulheres, galera de LGBTQIAP+, pessoas pretas... É esse ambiente de empreendedorismo que eu quero. Por isso que meu voto não seria jamais no Bolsonaro."

Em seguida, ela elogiou a postura do político durante a sabatina, e o discurso de considerações finais. Na última quarta-feira (24), a empresária afirmou em seu Twitter que irá votar no candidato, e se declarou Boca Vermelha nas redes sociais.

"Em pouco mais de um mês, vamos ter novas eleições e talvez sejam as mais importantes dos últimos tempos. Eu tenho estudado muito sobre os meus candidatos e por isso, neste ano, meu voto é no Lula", afirmou ela.