Filha de Carlos Vereza brilha em festival de cinema em Los Angeles

Que Bafo

Emiliano Ruschel, Larissa Vereza, Bruno Dubeux e Meire Fernandes, diretora do festival. Foto Livia Wippich/Divulgação

Filha do grande Carlos Vereza, Larissa Vereza brilhou no tapete vermelho da noite de abertura do Los Angeles Brazilian Film Festival, domingo (14), no Linwood Dunn Theater. Ela, que mora há quase dois anos na cidade americana, concorre na mostra ao prêmio de melhor atriz pelo filme “Forever Never More” (“Pra Sempre Nunca Mais”), de Emerson Muzeli. O resultado será conhecido na próxima sexta-feira (19). A atriz está feliz com a indicação. “Esperar o reconhecimento a gente sempre espera, né (risos)? Agora, é realmente uma surpresa ter se concretizado de forma tão rápida. As coisas têm realmente acontecido. Mas é o resultado de mais de 10 anos de trabalho e de investimento num sonho. Não é fácil deixar a família e os amigos, mas o meu maior medo sempre foi olhar para trás com arrependimento, com ‘e se’. Acredito que os sonhos são nossa alma nos lembrando de nossa missão aqui na Terra”, disse ela ao blog. No longa-metragem, a atriz vive a camponesa Luiza, que sofre nas mãos do marido, Domingo Rosso (Emiliano Ruschel, marido dela também fora da ficção e que disputa na categoria melhor ator do festival com Caio Castro e Tuca Andrada), um impetuoso e dominador colono italiano. Concorrem com Larissa, Priscila Fantin, por “Jogo de Xadrez”, e Suzana Pires (“A Grande Vitória”).

Leia mais: 47ª edição do Festival de Brasília começou nesta terça-feira (16)

Siga-me no Twitter: @giovanilettiere