Os pelos (dele) incomodam você?

Preliminares

Somos cobradas, diariamente, de uma pele lisinha, sem pelos pinicando, crescendo ou dando as caras. São comerciais de TV, anúncios em revista e parceiros comentando como aqueles pelos são coisas estranhas que a deixam mais masculina.

A maior parte das mulheres cedeu a essas necessidade que o mundo diz ser primária. Frequentam salões de depilação e pagam granas altas para alguém colocar uma meleca quente em suas partes mais íntimas e arrancar, sem dó, todos os pelos dali. Outras ainda resistem e apenas aparam os pelos da vagina.

Leia também:
Peluda, peludinha ou careca. Como os pelos influenciam o sexo?
A próxima ‘vadia’ é você!
Peguei um novinho e me apaixonei. E agora?

Mas as pernas são quase unanimidade. É raro ver uma mulher que não depila. Ou descolore os pelos acreditando que os deixará mais discretos. Outras depilam braços, barriga, pés, e diversos cantinhos do rosto. Sem esquecer, é claro, do anus, que os salões de depilação adoram dar nomes que, na cabeça deles, são discretíssimos e que ninguém vai notar o que significam quando você estiver marcando hora da mesa do trabalho - “eu queria marcar uma depilação íntima”. Hummmmmm, pensam os rapazes ao redor.

Sofremos essa pressão, muitas de nós a aceitam sem pensar duas vezes e tiram todo o qualquer vestígio de masculinidade – não sei quem teve a ideia de que pelo é algo masculino – que possa atrapalhar sua vida de mulher feminina e graciosa.

E aí, você encontra aquele cara incrível que olhou pra você, toda depilada, e não resistiu ao seu charme - ainda comentou que delícia era sua perna lisinha. Quando você resolve descer para dar um presentinho pra vocês dois, o que encontra? Uma mata fechada, perigosíssima e com um cheirinho que você não esperava.

Sim, meninas e meninos, isso acontece. Diariamente mulheres resolvem fazer um lindo sexo oral – bem feito e cheio de vontade – e se deparam com um cenário tão deprimente que voltam de onde vieram e preferem colocar apenas a mão ali. Quando a vontade não é fugir para as montanhas, claro.

Se pelos incomodam homens na hora do sexo oral, por que não deveriam incomodar mulheres? É claro que tem quem curta, mas para as outras eles incomodam. E você não precisa se sentir envergonhada por desistir do sexo oral porque tem nojo daquele lugar inabitável.

Essa é a hora que, quando a intimidade surge, você PRECISA parar tudo e falar pro bonito algumas verdades. A questão aqui é: ou você vai falar tudo o que pensa ou vai evitar pra sempre descer ali e frustrar seu próprio prazer sexual.

Diga com todas as palavras – e cheia de doçura – que ele precisa dar uma aparadinha nos pelos. Explique que, sem isso, não é muito convidativo descer ali. Comente sobre a higiene, que ele precisa lavar a área muito bem e puxar aquela linda pelinha nessa hora.

Se seu problema for com os outros pelos do corpo, diga também, mas pode esperar uma reação dramática por parte do gato. Grande parte dos homens acham um absurdo mulher se incomodar com pelos, já que essa é uma característica masculina. Mas não se deixe intimidar: se ele quer você depilada isso pode se tornar uma troca.

Acima de tudo, sexo, pelos e fluídos são complementares, então os dois só devem ceder aos pedidos de tirar tudo caso se sintam bem assim, que fique claro. Porém, uma aparadinha e um copo d'água não se nega a ninguém. ;)

Você tem alguma dúvida sobre sexo? Manda para mim no preliminarescomcarol@yahoo.com.br e siga-me no Twitter (@carolpatrocinio).