Jay-Z conta que vendeu drogas quando era adolescente

Jay-Z

, 43, e sua mulher, a cantora Beyoncé, 32, são a cara da riqueza. O que poucos sabem é que o passado do rapper foi bem diferente. Em entrevista à revista americana 'Vanity Fair', ele contou que chegou a vender drogas para ajudar a família. "Eu estava pensando apenas em sobreviver, em melhorar minha situação. Eu estava pensando em comprar roupas", justificou.

Leia mais:
Rihanna manda bem no pole dance e divulga fotos na internet
Kim Kardashian capricha no decote e ‘causa’ em festa na França

Jay-Z comercializava crack, mas garante que nunca usou a substância. "O crack estava em todo lugar, era impossível escapar. Não havia lugar para fugir dele. Ainda posso sentir aquele cheiro podre", comentou o astro.

“Nós vivíamos numa situação difícil, mas minha mãe dava um jeito, ela fazia malabarismos. Às vezes nós pagávamos a conta de luz, outras a de telefone, às vezes ficávamos sem gás. Nós não estávamos passando fome, mas não queríamos ficar envergonhados quando íamos à escola, não queríamos usar tênis sujos ou as mesmas roupas várias vezes”, disse ele, que ainda afirmou que sua mãe sabia de sua vida de traficante, mas nunca o questionou.