Datena é tratado como personagem folclórico na Band

Apesar de ter sido obrigado a ficar fora do comando do "Brasil Urgente" por ter brigado ao vivo com Milton Neves na rádio Bandeirantes, o caso de Luiz Datena é tratado nos corredores da Band como uma punição para gringo ver.

Os surtos e a língua afiada do apresentador não são novidades para ninguém. "É um ser folclórico", disse uma pessoa do canal. O problema é que desta vez seu temperamento ruim tomou proporções maiores. Se o surto de Datena com Milton Neves não tivesse vazado na imprensa, provavelmente nada teria acontecido com ele. Seriam colocados panos quentes e pronto. O problema é que quando alguém grita ao vivo durante um programa de rádio com outra pessoa, é difícil segurar a história, né? Logo, a Band teve de se posicionar.

Passado alguns dias, tudo deve voltar ao normal. Como se nada tivesse acontecido e com envolvido sorrindo e conversando numa na frente das câmeras.

Leia também:
Datena alfineta Bacci ao vivo no "Brasil Urgente"