Biden fratura pé e deverá usar bota de proteção

Por Simon Lewis
·1 minuto de leitura
Presidente eleito dos EUA, Joe Biden, discursa em escritório da transição de governo em Wilmington, Delaware

Por Simon Lewis

NEWARK, EUA (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, sofreu fraturas em seu pé enquanto brincava com um de seus cachorros e provavelmente terá de usar uma bota de proteção por várias semanas, disse seu médico pessoal no domingo.

O incidente aconteceu no sábado, disse o gabinete de Biden em comunicado, e o democrata de 78 anos se consultou com um ortopedista no domingo para exames de tomografia e raio-x.

Os médicos inicialmente acharam que o ex-vice-presidente havia sofrido somente uma torção no tornozelo, mas pediram mais exames da lesão.

"Uma tomografia posterior confirmou pequenas fraturas", disse o médico pessoal de Biden, Kevin O'Connor, em um comunicado separado divulgado pelo gabinete de Biden. "Ele provavelmente precisará de uma bota de proteção por várias semanas."

Após derrotar o atual presidente Donald Trump na eleição presidencial de 3 de novembro, Biden se tornará a pessoa mais velha da história a assumir a Presidência dos EUA quando tomar posse na Casa Branca em 20 de janeiro. Sua saúde deverá ser observada de perto tanto por aliados quanto por opositores.

Trump, que não reconheceu a vitória de Biden na eleição e está contestando o resultado do pleito nos tribunais, desejou uma rápida recuperação a Biden. "Fique bem logo!", escreveu ele em uma publicação no Twitter.

(Reportagem de Simon Lewis em Newark, Delaware, e Jason Lange em Washington)