Beber champanhe todos os dias pode prevenir demência e Alzheimer, diz estudo

Divulgação/Warner Bros. Pictures

Uma boa notícia para quem adora beber champanhe: cientistas descobriram que três taças ao dia podem prevenir doenças como demência e Alzheimer. Feito na Reading University, o estudo encontrou um composto nos tipos pinot noir e pinot meunier, ambas uvas usadas na produção da bebida, que podem afastar problemas cerebrais e aumentar a memória.

Ratos foram usado no experimento e segundo Jeremy Specer, que lidera a pesquisa, os resultados foram significativos. “Esta pesquisa é empolgante porque rebela pela primeira vez que o consumo moderado de champanhe tem o potencial de influenciar o funcionamento cognitivo, como a memória”, disse Jeremy ao Mail on Sunday.

Os pesquisadores que conduziram o estudo agora esperam realizar testes com idosos e um porta-voz da Sociedade de Alzheimer descreveu os resultados como “interessantes”, mas acrescentou que “são necessárias mais pesquisas”.