BBB23: Giovanna, eliminada da Casa de Vidro, pede perdão por publicações racistas

Giovanna Leão na Casa de Vidro do BBB23; fora do programa, a empresária se desculpou por comentários racistas recuperados em suas redes sociais (Fotos: Paulo Tauil/ AgNews)
Giovanna Leão na Casa de Vidro do BBB23; fora do programa, a empresária se desculpou por comentários racistas recuperados em suas redes sociais (Fotos: Paulo Tauil/ AgNews)

Escalada para a Casa de Vidro do BBB23, Giovanna Leão não conquistou uma vaga na nova edição do reality show, mas sua breve estadia sob os holofotes do programa foi bastante conturbada. Em suas redes sociais, no fim da noite de sexta-feira (13), a empresária pediu perdão após publicações racistas viralizarem nos últimos dias.

"Com toda a sinceridade, e por quantas vezes forem necessárias, quero pedir perdão por minhas falas totalmente erradas, meu pensamento tão equivocado na época - comparado à atual vivência e consciência de classe que possuo hoje -, pois na época eu era cercada apenas pela branquitude e seus privilégios", começou.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Na terça-feira, dia 10, quando foi anunciada como uma das participantes do programa, Giovanna teve conteúdos antigos revirados e internautas apontaram falas racistas em suas publicações. Em outubro de 2016, por exemplo, ela escreveu: "nego ta pistola, sabe zoar não KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK mimimi macaca mimimi vo hackear, n fod*".

"Eu sei que errei, mas eu gostaria que vocês me dessem uma oportunidade para que vissem que eu não sou a mesma Giovanna de anos atrás", continuou a quase-ex-BBB. Ela ainda citou a comunidade "Ilha da Macacada", usado pela equipe da empresária para justificar os comentários, mas que também foi acusado de incentivar ataques contra grupos minoritários:

"Ao grupo que pertenci, (...) espero que entendam que 1. foi há muitos anos, 2. a nomenclatura era usada de maneira geral e entre todas as pessoas que estavam no grupo e fora dele (e em outras redes sociais), 3. era um dos grupos mais famosos para divulgar lives, e 4. eu usava o espaço SOMENTE para divulgação de quando eu estava jogando online", justificou.

"Peço perdão a todo mundo que ofendi, que despertei gatilhos, que machuquei, que entristeci, que enraiveci. Por fim, reitero que, da mesma forma que não reproduzi esse erro nos últimos anos, me comprometo a estar cada vez mais receptiva e atenta a assuntos dessa temática, para que nunca mais se repita", prometeu Giovanna.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.