"Avenida Brasil": reprise corta cena de Carminha chamando filha de "bujão" e "monstrinha"

Carminha (Adriana Esteves) e Ágata (Ana Karolina Lannes) em cena de "Avenida Brasil". Foto: reprodução/TV Globo

Algumas das ofensas que Ágata (Ana Karolina Lannes) sofreu nas mãos da mãe, Carminha (Adriana Esteves), em “Avenida Brasil”, não estão sendo exibidas na reprise da novela no “Vale a Pena Ver de Novo”. A cena em que a menina é chamada de “bujãozinho” e “monstrinho”, por exemplo, não foi ao ar na última sexta-feira.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Na sequência original, Carminha encontra a filha no corredor, quando vai ao encontro do amante, Max (Marcello Novaes). Ela se irrita ao perceber que a menina tem uma guloseima nas mãos. “Sorvete, Ágata? Cinco mil calorias! Você sabe o que isso representa? Que você vai ficar um bujãozinho que nem a sua tia. Só que ela tem personalidade, carisma, e nem isso você tem”, dispara.

Leia também:

A menina diz que vai jogar a sobremesa fora, mas é humilhada novamente. “Então me dá isso aqui. Você vai é deitar, que eu já disse que eu não quero ver você acordada depois das dez que estraga a pele. Você quer virar um monstrinho, não quer? Vai dormir!”, diz Carminha, provocando choro na filha.

Segundo a TV Globo, o conteúdo, produzido para o horário nobre e agora exibido à tarde, “pode passar por ajustes e adequações”.

Em entrevista recente ao programa “Se Joga”, a atriz Ana Karolina Lannes lembrou do cuidado da colega Adriana Esteves nos bastidores da novela, que foi exibida em 2012. Na época, a intérprete de Ágata tinha apenas 12 anos.

“Antes das gravações, a Adriana e eu sentávamos sozinhas, olhávamos uma para a outra e ela falava: ‘Você é linda, você é incrível’. A gente entrava no personagem, passava o dia inteiro quebrando o pau, chegava no fim do dia, a gente sentava de novo e conversava: ‘Karol, você é incrível, sabe que eu te admiro muito’”, contou.