Attack on Titan: Autor confessa que mangá teria outro nome

Já faz um tempo que Attack on Titan (Shingeki no Kyojin) ganhou seu lugar de destaque no pódio entre uma das séries mais queridas do mundo. O mangá criado por Hajime Isayama já ultrapassou a marca das 100 milhões de cópias vendidas mundialmente. Já o anime é ovacionado por milhões de fãs, sendo adaptado e dublado em mais de 10 idiomas diferentes.

 
Com 36 anos, Isayama revelou detalhes sobre o fim do mangá na Anime NYC. Imagem: IGN LATAM

Tamanho é o sucesso que tanto o nome no Ocidente quanto o título original em japonês fixaram-se na mente dos fãs de anime por todo mundo. Porém, será que a obra da luta da humanidade pela sobrevivência teria o mesmo impacto se o nome fosse diferente?

Segundo o criador Hajime Isayama, o mangá seria chamado originalmente de “Humanidade contra Titãs" (“Humanity against Titans” em tradução livre). Um nome bem literal, que resume em especial o ponto central da ação nos primeiros episódios da série ou nos volumes iniciais do mangá.

A revelação sobre o inusitado nome original aconteceu no evento Anime NYC, que ocorreu no último final de semana na cidade de Nova York. Durante um painel sobre o final do mangá, o próprio Isayama passou a informação quando o assunto sobre o título foi tocado por participantes do painel.

 
A obra faria sucesso mesmo com o título de "Humanidade contra Titãs"?

O autor de 36 anos alega que o título em tal formato poderia limitar bastante a história, além de soar menos interessante do que o título escolhido. Porém, é...

Attack on Titan: Autor confessa que mangá teria outro nome
Leia Mais