Atriz de 'Skins' está em estado grave após ser atropelada por caminhão

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO. SP (FOLHAPRESS) - A atriz britânica Kathryn Prescott, 30, que ficou conhecida por trabalhos como "Skins" (2007) e "24 Horas: O Legado" (2017), está hospitalizada com ferimentos graves após ter sido atropelada por um caminhão de cimento em Nova York, nos Estados Unidos.

A irmã gêmea de Prescott, Megan, que também esteve na série "Skins", informou nesta quinta-feira (9) sobre o ocorrido. "Recebi a ligação mais terrível que já recebi na minha vida na noite de terça-feira (7). Minha irmã foi atropelada por um caminhão de cimento enquanto cruzava uma estrada em Nova York", escreveu no Twitter.

De acordo com ela, Kathryn passou por uma cirurgia e fraturou a pélvis em dois lugares, o pé, a mão esquerda e as duas pernas. A irmã ainda disse que ela quase ficou paraplégica. No entanto, apesar da gravidade dos ferimentos, os médicos disseram que a atriz conseguiu se recuperar.

Megan disse que tem vontade de visitar a irmã, mas não pode devido à pandemia de Covid-19. Ela chegou a solicitar uma isenção das restrições à Embaixada dos Estados Unidos, mas teve seu pedido negado. "Estou devastada", disse.

"Estou duplamente vacinada, fiz um teste de PCR ontem e posso voar agora. Tenho documentos do hospital que confirmam a extensão dos ferimentos de Kathryn e estou disposta a fazer qualquer coisa para chegar até ela o mais rápido possível", completou.

Ela pediu ajuda aos seguidores para conseguir chegar até a irmã, e em seus Stories agradeceu pela busca de soluções, mas pontuou que não quer "passar duas semanas em outro país de quarentena, preciso ver minha irmã agora". Por fim, ela pediu para não tentarem contato com Kathryn, já que "ela está exausta de entrar e sair de cirurgias. Se precisarem falar urgentemente com ela, conversem comigo!", concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos