Atriz Letícia Almeida diz que foi abusada por Jonathan Couto

Redação Vida e Estilo
A atriz revela que Jonathan ofereceu uma pílula do dia seguinte após abuso (Foto: Reprodução/Instagram)
A atriz revela que Jonathan ofereceu uma pílula do dia seguinte após abuso (Foto: Reprodução/Instagram)

Ex-namorada do cantor Saulo Pôncio, a atriz Letícia Almeida participou do “Super Pop” na última quarta (13) e falou sobre o suposto estupro cometido por Jonathan Couto, marido da irmã do músico. Segundo ela, tudo começou quando o ex-concunhado ofereceu bebida e ela, que não costuma ingerir álcool, mas aceitou por conta de uma comemoração, sem ter ideia do que aconteceria.

Receba novidades sobre o mundo dos famosos (e muito mais) no seu Whatsapp

“Ele me levou para o último andar da casa e teve relações comigo, sem meu consentimento. Não lembrava devido a minha embriaguez e não tive reação. Rapidamente, consegui me livrar daquilo, fui para o meu quarto e dormi”, afirmou ela, garantindo que amava Saulo. A família Pôncio divide a mesma mansão no Rio de Janeiro –sim, pai, mãe, filhos, noras, crianças moram no mesmo local.

Para a atriz, ainda é doloroso contar tudo o que ocorreu aquele dia, mas ela se esforçou e continuou o assunto. Segundo ela, Jonathan ofereceu uma pílula do dia seguinte dois dias após o abuso. “Fiquei super mal porque não sabia o que tinha acontecido. Eu tomei dois dias depois. Não deu certo. Não consegui contar para ninguém”, assegurou.

Quando chegou em casa, após a exibição do “Super Pop”, a atriz fez Stories no Instagram ressaltando o quanto foi difícil sua participação no programa de Luciana Gimenez e disse que não chegou a contar tudo lá, pois sabe que é muito julgada pelas pessoas. “Ia acabar me machucando para provar verdades para os outros. Quem gosta de mim já sabe do meu valor”, desabafou, agradecendo as mensagens de apoio.

Procurado, o assessor de imprensa de Jonathan Couto, disse que eles não irão se pronunciar sobre o caso até que os advogados de Jonathan autorizem e enviem uma nota oficial sobre o pronunciamento dele, possibilidade que o assessor acredita que aconteça ainda nesta quinta-feira (14).

Entenda o caso

Letícia teve uma filha do concunhado Jonathan Couto, que é casado com Sarah Pôncio, a irmã de Saulo Pôncio, que vem a ser o ex-namorado de Letícia e filho do pastor Márcio. Saulo assumiu a paternidade da filha da atriz no momento do nascimento, em fevereiro de 2018, antes de descobrir que o pai na verdade era o marido de sua irmã.

Em agosto do ano passado, Letícia revelou em seu Instagram, após fazer um teste de DNA, que o pai biológico de Madalena é Jonathan. A mulher dele, Sarah, resolveu continuar com o marido mesmo com a traição e as acusações feitas por Letícia. Já Saulo, ex da atriz, perdoou o cunhado, mas não permaneceu em um relacionamento com a mãe de Maria Madalena.