Ator de "Riverdale" mata a própria mãe e é condenado à prisão perpétua

Divulgação
Divulgação

O ator Ryan Grantham, conhecido por seus trabalhos em "Riverdale","Supernatural" e "Diário de Um Banana", foi condenado à prisão perpétua pelo assassinato da sua mãe, Barbara Waite. O artista de 24 anos teria atirado nela em março de 2020 e chegou a gravar um vídeo na sua GoPro após o ocorrido, confessando ser o autor do crime e mostrando o corpo da mulher. Na série da The CW, Ryan fez uma participação especial na 4ª temporada, interpretando Jeffrey Augustine, o assassino do pai de Archie Andrews (KJ Apa).

Segundo o New York Post, o Supremo Tribunal da Columbia Britânica, localizado em Vancouver, Canadá, anunciou a pena do ator na última quinta-feira (22) e revelou que o mesmo não poderá ter liberdade condicional nos primeiros 14 anos de condenação.

Riverdale GIF - Riverdale GIFs
Riverdale GIF - Riverdale GIFs

Mais informações sobre o crime

O crime aconteceu em 31 de março de 2020, quando Ryan atirou na própria mãe na sua casa, situada em Squamish, no Canadá. No dia seguinte da tragédia, o artista teria coberto o corpo dela com um lençol, cercou de velas e ainda pôs um rosário em cima do piano em que ela tocava quando foi morta. Mais tarde, o assassino se encaminhou para a cidade de Ottawa em um carro cheio...

Leia +


Leia +

O elenco de "Riverdale" odeia a própria série e nós podemos provar
Ator de "PLL: The Perfectionists" é confirmado na 5ª temporada de "Riverdale"! Saiba mais detalhes
Seungri, ex-idol de K-pop, é condenado a três anos de prisão. Relembre o caso