Athletico fica perto de vender Robson Bambu por € 8 milhões

Bambu só deve ficar no Furacão até a metade do ano (Joao Vitor Rezende Borba/Agif)

Pequenos detalhes burocráticos separam o Athletico Paranaense de vender Robson Bambu para um time da França. E por € 8 milhões ou R$ 43,6 milhões. A informação foi revelada ao Blog por uma pessoa da diretoria do Furacão, que só não pôde revelar o nome do clube francês.

Bambu foi especulado nos últimos dias por Lille, Montpellier e Nice. Independentemente do time, chama atenção o valor da transferência, maior até que o da venda de Léo Pereira para o Flamengo, em janeiro, por € 7 milhões. Detalhe: Bambu havia chegado de graça à Arena da Baixada para 2019.

Seu contrato com o Peixe terminou no fim de 2018 e Bambu acabou contratado mediante pagamento de luvas.

Foi contando com a pesada venda de Bambu que o Athletico Paranaense desembolsou € 2 milhões ou R$ 10,9 milhões para comprar 50% dos direitos econômicos de Aguilar, junto ao Santos. O colombiano, inclusive, já foi anunciado como reforço do Furacão.

O curioso é que, internamente, a chegada de Aguilar não foi vista como uma substituição a Bambu, mas para suceder Léo Pereira. Com a saída de Bambu, que só ocorrerá na metade do ano, com a reabertura do mercado de transferências na França, o Furacão chegará a 16 baixas na temporada, contra apenas cinco contratações.

Bambu tem 22 anos e soma três partidas pelo Furacão em 2020. Antes, havia disputado o Pré-Olímpico, que terminou com o vice-campeonato e a classificação para os Jogos no Japão.