Athletico cede, banca maior salário do elenco a Rony e programa renovação para sexta

Rony vai ganhar R$ 400 mil por mês no Furacão (Gabriel Machado/Agif)

A novela Rony vai terminar na sexta-feira com final feliz para o próprio atacante e para o Athletico, e de forma decepcionante para Corinthians e Palmeiras. Nesta data, Carlos André, advogado do jogador, embarcará para Curitiba a fim de assinar a renovação do contrato até 2023, como antecipou a jornalista Nadja Mauad.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

O Blog teve acesso aos valores acertados entre as partes. Rony terá seus vencimentos aumentados de R$ 240 mil mensais para R$ 400 mil. O Furacão ainda topou bancar à vista R$ 3,5 milhões de luvas, prêmio pela assinatura do contrato.

Leia também:

Para completar, Rony ainda conseguiu a promessa do Athletico de que constará em contrato seu direito a 50% do valor de uma venda futura. Isso havia sido acertado quando da chegada do atacante à Arena da Baixada, mas, diante das investidas de Palmeiras e Corinthians, o Furacão se recusou a pagar metade dos 6 milhões de euros oferecidos.

É importante contar que Mario Celso Petraglia, presidente do Conselho Deliberativo do Athletico, havia dito que não daria qualquer aumento, muito menos luvas para renovar. Rony, então, rejeitou a oferta e acabou rebaixado para o time sub-23.

Na terça-feira, o clube procurou Carlos André tentando retomar as negociações. Logo, ouviu que só haveria conversa se o atacante voltasse para a equipe principal, o que ocorreu na manhã desta quarta. E, há instantes, Rodrigo Monteiro, representante do Furacão, entrou em contato com o staff de Rony afirmando que concordava com todas as exigências do jogador.

Com a renovação, dá para cravar que Palmeiras e Corinthians não têm mais chances de contratá-lo. “O Athletico deixou claro que não vai vender o Rony após a renovação”, explica uma das pessoas envolvidas nas tratativas.

Veja mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter