Astro da TV francesa morre de Covid sem tomar vacina dias após irmão gêmeo

·1 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O astro da TV francesa Igor Bogdanoff morreu nesta segunda-feira (3) aos 72 anos, em decorrência da Covid-19. O apresentador faleceu poucos dias depois de seu irmão gêmeo Grichka, que também pereceu devido à doença.

"Em paz e amor, cercado por seus filhos e sua família, Igor Bogdanoff partiu para a luz na segunda-feira, 3 de janeiro de 2022", diz o comunicado divulgado pela família do apresentador à imprensa local. Segundo o jornal francês Le Monde, os irmãos não se vacinaram contra o coronavírus.

De acordo com uma publicação do New York Post, Bogdanoff deixa seis filhos e sua ex-esposa, a escritora Amélie de Bourbon-Parme. Grichka, seu irmão, havia sido internado em 18 de dezembro, e faleceu no dia 28 do mesmo mês.

Na frança, a dupla era conhecida por suas carreiras na televisão como apresentadores de séries de ficção científica dos anos 1980, como "Temps X" e "Rayons X", além de sua personalidade e aparência. Em 2020, os gêmeos fizeram uma participação na versão francesa do reality The Masked Singer.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos