Astrônomos revelam mapa mais preciso já feito em 3D da Via Láctea

O Globo
·1 minuto de leitura

Astrônomos da Agência Espacial Europeia desenvolveram o mapa 3D mais preciso da Via Láctea da História. A empreitada promete dar uma nova visão sobre o funcionamento da galáxia e esclarecer mistérios de regiões mais distantes do universo.

O atlas eletrônico foi construído a partir de dados feitos pelo observatório Gaia, lançado ao espaço sideral em 2013, de Kourou na Guiana Francesa, com o objetivo de fotografar os céus.

Com o novo mapa, astrônomos podem medir com maior precisão, por exemplo, a aceleração do sistema solar e a massa da galáxia — pistas matemáticas para a resolução de mistérios como a formação do sistema solar e a taxa de expansão que o universo registrou desde o início dos tempos.— O que realmente estamos fazendo aqui é obter um mapa muito detalhado do universo local, um atlas que mostra em três dimensões as estrelas que ficam até algumas centenas de anos-luz — disse Nicholas Walton, membro da equipe científica da ESA, para o "The Guardian".

Gaia orbita a Terra a partir de uma posição estável gravitacionalmente, conhecida como ponto Lagrange, a 930.000 milhas do planeta, na direção oposta ao sol. Desde seu lançamento, a sonda já demonstrou posições e velocidades de quase 2 bilhões de estrelas. Seus dados também permitem aos astrônomos analisar a distribuição da matéria na Via Láctea, a partir da qual estimarão sua massa.