Assessor de deputada da ala bolsonarista faz piada com morte de Marielle

O assessor Evandro de Araújo Paulo recebe salário mensal de R$ 4,2 mil dos cofres públicos. Foto: Reprodução

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Assessor da vice-líder de Bolsonaro na Câmara publicou no Facebook piada sobre a vereadora assassinada Marielle Franco: "Marielle vive, enchendo o saco (sic)".

  • Em outra postagem, ele defendeu a prisão de ministros do STF Dias Toffoli e Gilmar Mendes: “seria algo magnífico”, disse. 

O assessor Evandro de Araújo Paulo, que trabalha no gabinete da deputada bolsonarista Bia Kicis (PSL-DF), publicou no Facebook uma foto ao lado de uma camiseta com o desenho da vereadora assassinada Marielle Franco (PSOL-RJ) e a frase: "Marielle vive, enchendo o saco (sic)". A informação foi divulgada pelo blog do jornalista Guilherme Amado na revista Época.

Araújo Paulo ainda defendeu, em outro post, a prisão dos ministros Dias Toffoli e Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), nas redes sociais.

Leia também

A foto havia sido compartilhada por ele no último dia 31, após ter sido tirada dentro do gabinete da deputada. O material acabou bloqueado pelo Facebook devido ao "conteúdo cruel ou insensível".

Araújo despacha há um ano no gabinete de Kicis, vice-líder do governo no Congresso, desde o primeiro mês de mandato. Recebe dos cofres públicos um salário mensal de R$ 4,2 mil.

No mês de abril, o assessor postou no Facebook que "ver Gilmar Mendes e Dias Toffoli na cadeia seria algo magnífico".

O blog tentou contato com o assessor, mas ele não respondeu.

Já a deputada, em nota, afirmou que "não sabia da postagem, e quando tomou conhecimento repreendeu o assessor, proibindo-o de tirar fotos para o perfil dentro do ambiente de trabalho".