Artistas transmitem personalidade em sandálias: "Processo de liberdade"

·1 minuto de leitura
Juliana Fervo, Naíma Almeida e Aju Paraguassu (Foto: Divulgação/Ipanema)
Juliana Fervo, Naíma Almeida e Aju Paraguassu (Foto: Divulgação/Ipanema)

Artistas brasileiras foram convidadas para criar estampas para a nova coleção de sandálias da Ipanema. Juliana Fervo, Naíma Almeida e Aju Paraguassu foram as escolhidas. Cada uma com sua personalidade, diferentes saberes e técnicas. 

Antes de iniciar o processo de criação, elas participaram de um circuito de aulas, aconselhamentos e mentorias com articuladoras reconhecidas da arte global. As aulas estão disponíveis no YouTube para qualquer um fazer!

Leia também:

Artistas com suas criações (Foto: Divulgação/Ipanema)
Artistas com suas criações (Foto: Divulgação/Ipanema)

Juliana Fervo é artista plástica e grafiteira. Ela se sentiu realizada com o projeto. "Foi maravilhoso e emocionante poder criar uma estampa para a Ipanema, poder conectar minha arte, minhas cores e inspirações com milhares de mulheres pelo Brasil", valoriza.

Quem também sentiu esse gostinho foi Naíma Almeida. A artista gráfica é paulistana, mas quis que sua estampa representasse todas as regiões do Brasil. 

"Ter a oportunidade de estampar uma sandália conecta muito com o que eu gosto de fazer, que é sempre testar esses outros suportes para minha arte. Gosto muito de variar neste sentido e de testar materiais. Foi uma experiência muito positiva, um processo com muita liberdade", afirma.

Já a terceira artista, Aju Paraguassu, intitula-se uma "mensageira visual". Ela explorou a cosmovisão Afro-Indigena e trouxe conexões familiares para suas estampas. "Pude explorar o meu trabalho individual enquanto mensageira visual , aquilo que eu desenvolvo me livrando da expectativa do outro, algo que é muito mais interno do que externo, é uma oportunidade de fruir", considera.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos