Mais de 500 artistas assinam manifesto contra Regina Duarte: "Não nos representa"

Redação Vida e Estilo
·2 minuto de leitura
A secretária especial de Cultura Regina Duarte. Foto: Andre Borges/NurPhoto via Getty Images
A secretária especial de Cultura Regina Duarte. Foto: Andre Borges/NurPhoto via Getty Images

Mais de 500 artistas assinaram um manifesto em repúdio às recentes declarações de Regina Duarte, secretária especial de Cultura do governo Jair Bolsonaro. Na última quinta-feira (7), em entrevista à CNN Brasil, ela minimizou mortes e torturas no período da ditadura militar. O grupo, que inclui atores, músicos, autores e apresentadores, entre outros profissionais, afirma que ela não os representa.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

O manifesto defende a democracia e a Constituição de 1988 e diz que não serão tolerados “os crimes cometidos por qualquer governo, que repudia a corrupção e a tortura e que não deseja a volta da ditadura militar”. O grupo também diz não aceitar “os ataques reiterados à arte, à ciência e à imprensa, e que não admite a destruição do setor cultural ou qualquer ameaça à liberdade de expressão”.

Leia também:

O documento teve 512 assinaturas de nomes como os atores Adriana Esteves, Alice Braga, Miguel Falabella e Selton Mello, além dos músicos Caetano Veloso, Chico Buarque, Emicida e Rita Lee.

Também apoiam o documento autores como Daniel Ortiz, Licia Manzo e Walcyr Carrasco e os cineastas Anna Muylaert, Fernando Meirelles, Jorge Furtado e Lais Bodanzky.

Leia abaixo a íntegra do manifesto:

“Brasil, 08 de maio de 2020

Somos artistas brasileiros e fazemos parte da maioria de cidadãs e cidadãos que defende a democracia e apoia a independência das instituições para fazer valer a Constituição de 1988. Fazemos parte da maioria que entende a gravidade do momento que estamos vivendo e pedimos respeito aos mortos e àqueles que lutam pela própria sobrevivência no país devastado pela pandemia e pela nefasta ineficiência do poder público. Fazemos parte da maioria de brasileiros que não tolera os crimes cometidos por qualquer governo, que repudia

Como artistas, intelectuais e produtores culturais, formamos a maioria que repudia as palavras e as atitudes de Regina Duarte como Secretária de Cultura. Ela não nos representa”.

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentários