Artista x celebridade: Entenda o conceito que levantou polêmica entre famosos

Juliette em show e Kim Kardashian no tapete vermelho do MET Gala. Foto: Manuela Scarpa/Brazil News/Theo Wargo/WireImage/Getty Images
Juliette em show e Kim Kardashian no tapete vermelho do MET Gala. Foto: Manuela Scarpa/Brazil News/Theo Wargo/WireImage/Getty Images

Resumo da notícia:

  • Comentário de Samantha Schmutz sobre o conceito de artista levantou a reflexão sobre o assunto

  • Em conversa com o Yahoo, Beatriz Blanco e Marcus Bastos levantaram suas definições de arte

  • Dentro de tantos apontamentos, o comunicadores refletem sobre o impacto da sociedade no conceito

"Mas ela é artista?", comentou Samantha Schmutz e uma onda de questionamentos e reflexões foram levantados em meio à polêmica do julgamento da atriz perante a cantora e ex-BBB Juliette. A partir do comentário da comediante em uma publicação do Instagram, voltou aos holofotes a dúvida: afinal, o que é ser artista? E qual a diferença entre artista e celebridade?

Nomes globais, das telonas e ex-BBBs se pronunciaram sobre o assunto com suas visões a respeito do conceito de arte. "Ser artista vai muito além do que ser famoso. Levamos discussões sérias (mesmo que através do humor) criamos reflexões através de um texto, uma expressão, uma dança, música, imagens, telas.. Damos voz também a quem não tem voz", declarou Ingrid Guimarães em seu perfil do Instagram.

"Não é porque alguém não gosta da arte da pessoa que isso faz ela não ser artista. Juliette é artista sim. Pode ter se descoberto artista há pouco, mas é", comentou a atriz Alice Wegmann. "O Brasil respira arte…O nordeste respira arte. Ser ex-BBB não pode ser parâmetro pra desmerecer a jornada anterior e posterior dos participantes do programa. Se inventar e se reinventar é pura arte", escreveu Lumena ao rebater o julgamento com quem participa do reality da Globo.

Em conversa com o Yahoo, Beatriz Blanco, doutoranda em Comunicação e membro do laboratório Cultpop, define arte a partir do que a elite social de uma época decide. "Isso é bem claro se a gente for pegar exemplos contemporâneos do debate se picho, se grafite é arte, se funk é arte e se não é", inicia.

Se vê produções populares que desafiam a ideia de ‘bom gosto’ que a elite intelectual, econômica e social de uma determinada época, de um determinado grupo, determinou.Beatriz Blanco

Para Marcus Bastos, doutor em comunicação e professor do departamento de Artes da PUC-SP, arte é uma experiência com as linguagens mais recentes de cada época, independente da classificação dessa forma de comunicar e produzir.

De acordo com Beatriz, há uma prática latente de estabelecer uma equivalência entre arte e o alinhamento ao "bom gosto", que, no caso, também é uma ideia socialmente construída. Então, é arte tudo o que atende a isso, atrelado ao ideal de status. Mas nem sempre foi assim.

Voltando às origens do que é ser artista, a comunicadora relembra que a arte medieval nem era assinada pelos criadores por serem muito mais focadas na mensagem do que em quem fez. "Com o renascimento, quando já se tem uma burguesia bancando a arte e a usando como status de promoção social, aí a arte vai sendo vinculada ao status, a ideia de autoria fica importante, os artistas começam a se individualizar e essa ideia vai sendo socialmente construída também", explica.

Quando você vê uma pessoa famosa que nem a Samantha julgando isso [o que é arte], o quão estratégico é você dividir as pessoas entre artistas e celebridades?Beatriz Blanco

Já o professor universitário acredita que o artista busca desconstruir as linguagens dominantes na época em que se encontra, seja de maneira mais popular ou elitizada. "É uma pessoa que busca uma postura crítica diante dos desafios contemporâneos que a sociedade em que está inserido enfrenta", declara ele.

O artista procura sempre desafiar os pressupostos vigentes na busca pelo avanço das linguagens a que se dedicaMarcus Bastos

A doutoranda em comunicação questiona se é preciso uma validação, sendo que a arte já é um sistema de status quo excludente. "Não estou dizendo que Juliette é uma heroína pela diversidade e igualdade, mas esse mesmo discurso que pode ser usado para desqualificar a Juliette, pode ser usado para desqualificar um pichador, um grafiteiro, um funkeiro. É isso que a gente quer?", reflete.

Sobre a diferença entre artista e celebridade, Beatriz chega a uma definição bastante clara ao exemplificar com uma grande socialite da mídia. "Celebridade não precisa ter um fazer artístico. Ela pode ser uma celebridade só pela presença dela na mídia. A Kim Kardashian é um exemplo", explica.

No entanto, ser celebridade não impede alguém de se tornar artista. "Ela [Kim] pode, eventualmente, entrar em um fazer artístico. A gente pode considerar o trabalho dela como modelo por exemplo como parte de um fazer artístico", completa a comunicadora, que confessa não aprovar muito o conceito de arte. "É um debate que já estava nos anos 1950, que é a ideia de que arte não é uma categoria descritiva", continua.

Um artista faz arte, mas o que é arte? Pode ser qualquer coisa, vem da questão do consenso social. Então, sou até um pouco crítica ao conceito.Beatriz Blanco

Beatriz explica que o termo arte/artista vem da ideia de empregar técnicas para criação. "No grego, você vai ver que é a mesma palavra que eles usavam para arte, eles usavam para a raiz da palavra tecnologia, que é 'techne', que tem a ver com esse fazer artesanal, uso de ferramentas para criação e tudo mais. Nas origens do termo, arte é voltada para o fazer", informa.

"Hoje, tem alguns artistas que fazem grafite que ninguém questiona, mas a presença do cara que faz picho na Bienal é questionada", conclui ao dizer que a diferença entre a artista e celebridade é também a questão do status, já que se pode ser artista sem se tornar celebridade.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos