Ex-BBB Ariadna posa nua para revista e afirma: "Não precisamos ser magras"

·1 minuto de leitura
Ariadna Arantes em ensaio para a revista
Ariadna Arantes em ensaio para a revista "Spicyfire". Foto: reprodução/Instagram/ariadnaarantes

A ex-BBB Ariadna Arantes, é capa da próxima edição da revista masculina "Spicyfire". É a primeira vez que a modelo posa nua desde o ensaio para a "Playboy", em 2011. 

"Não foi fácil fazer esse ensaio. Um calor de 40 graus no Rio de Janeiro em ambiente aberto, suando muito, mas conseguimos um excelente resultado final. Espero que gostem", anunciou ela, em seu perfil no Instagram.

Leia também:

Ao jornal "Extra", ela diz que aceitou o convite "mesmo não estando em forma" e que espera inspirar outras mulheres a se aceitar.

"No primeiro [ensaio], eu era mais menina, e agora sou uma mulher. Posar nua mesmo não estando em forma ajuda outras mulheres a não terem medo de seus corpos e curvas. Somos todas lindas e não precisamos ser magras para sermos perfeitas!", declarou à publicação.

Após divulgar a capa da revista, Ariadna denunciou nas redes sociais que foi vítima de transfobia: expôs comentários de ódio contra ela na internet e afirmou ter perdido 2 mil seguidores na plataforma.

Diante do episódio, a "Spicyfire" se posicionou contra o preconceito e reafirmou o orgulho de ter a ex-BBB como estrela de sua edição.

"É terrível quem pleno 2021 tenhamos que ler comentários e ver tanto preconceito sem nenhum tipo de medo de estar cometendo um crime. Ariadna está na capa da SPICYFIRE sim, não por motivos de polêmicas e escândalos referentes a identidade de gênero. Ela está na capa da SPICYFIRE por ser uma mulher imponente, maravilhosa, notória, inteligente e extremamente gostosa! Com toda certeza, uma de nossas capas mais importante que ficará marcada na nossa história!", diz a publicação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos