Após polêmica, Silvia Abravanel ironiza: "Posso viajar?"

Foto: Reprodução/SBT

Silvia Abravanel ironizou as críticas que recebeu nas redes sociais nesta quarta-feira (19). Durante o ‘Bom Dia & Cia’ desta quinta (20), a apresentadora disse que as pessoas “cuidam muito da sua vida” e pediu “permissão” para viajar no Carnaval.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

E nos siga no Google News: Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

“Gente, na semana que vem o mês já acaba. São 29 dias, né? Mas tudo bem. Não tem problema não”, iniciou. “Queria pedir autorização para essas pessoinhas que adoram cuidar da minha vida se eu vou poder viajar no Carnaval. Posso, gente? Por favor. Deixa, vai, deixa, deixa, deixa!”, completou com voz de bebê.

Leia também:

Entenda o caso

Silvia fez esse pedido após ser detonada nas redes sociais por ter constrangido funcionários do SBT ao vivo no programa anterior. Na ocasião, Silvia quis desmentir uma matéria que saiu em alguns veículos de comunicação dizendo que ela havia provocado ódio nos corredores da emissora por não ter comparecido para apresentar a atração de segunda-feira (17).

Muitos acharam que a filha de Silvio Santos constrangeu sua equipe e cometeu assédio moral. O vídeo do interrogatório está circulando nas redes sociais. Nas imagens, visivelmente irritada, Silvia chama de um por um para fazer a seguinte pergunta: “Vocês sabiam que eu não viria trabalhar na segunda-feira porque eu tinha um compromisso?”.

Os rapazes aparecem sem saber o que dizer e afirmam, logo de cara, que “não sabiam”. Silvia assume um tom mais duro até que um diz que “sim”. "Então, vocês todos sabiam?!", provoca, prosseguindo com o assunto. “Ficaram igual idiotas andando pelo corredor?", pergunta, recebendo a negativa de todos.

No fim da atração de quarta (19), Silvia ainda ironizou a notícia que informava sobre o clima tenso nos bastidores. “Um beijo para vocês. A justificativa está dada. Se metam na vida de outra pessoa", disparou. O SBT não se pronunciou após a conversa tensa de Silvia com os funcionários da produção.

Ao UOL, Fernanda Sanae, diretora da atração, negou que a equipe tenha se sentido constrangida: “A gente é uma família. A Silvia sempre chama funcionários para brincar. Quem não quer ou não gosta, como eu, não precisa entrar. Só entra quem quer. A Silvia é uma pessoa muito correta. Não foi a primeira vez que ela fez isso. Não houve assédio moral nenhum. Nem constrangimento.”

Ela não está nem aí

Do mesmo jeito que se mostrou nem um pouco arrependida no programa desta quinta (20), Silvia publicou uma sequência de posts em seu Twitter deixando claro que não se importa com o que pensam sobre ela.

"Falem o que quiser, me xinguem, me ofendam, faltem com educação comigo, façam abaixo-assinado para as pessoas pararem de assistir meu programa. Me bloqueie nas redes sociais, parem de me seguir. O que vocês falam, pensam de mim não é problema meu é único e exclusivo de cada um de vocês”, escreveu.

Ainda segundo ela, só Deus pode julgar sua atitude. “Por ele sim tenho respeito, dele sim tenho medo por isso ando pelos caminhos mais corretos e sempre respeito ao próximo! Pra quem me julga, me xinga, me ofende, eu deixo aqui o meu muito obrigado. Porque graças a Deus, nós jamais nos conheceremos e isso me deixa feliz e em paz . Não pedi pra ninguém gostar de mim, me seguir, assistir meu programa. Então, sua opinião não vai mudar nadinha a minha vida”, finalizou a artista.