Após ofender Titi, Day McCarthy confessa: 'Sei que sou racista'

Roberto Cabrini entrevista mulher que xingou filha de atores globais (Reprodução/SBT)

Após ofender Titi, 4, e chamar a filha dos atores Bruno Gagliasso, 35, e Giovanna Ewbank, 31, de “macaca” em um vídeo divulgado na web, Day McCarthy, 28, recentemente concedeu uma entrevista para Roberto Cabrini, 57, do SBT.

Na conversa com o jornalista, ela declarou que se acha racista. “Eu não quero ser falsa, não tô preparada pra pedir desculpas à eles. Eu quero sentar e ter uma conversa comigo mesma e me arrepender, não quero ser falsa. (…) Pedir desculpas não vai mudar em nada o que eu fiz”, disse ela. “Sim, eu sei que estou errada! Sei que eu sou racista, mas é uma coisa que eu não posso controlar, é uma coisa que eu não sei como controlar, como não ser racista”, justificou.

Leia mais:
Gracyanne Barbosa surpreende ao postar foto sensual em Las Vegas
Thammy Miranda critica posição da tia Sula Miranda sobre transexuais

Ainda no material que será exibido no próximo final de semana durante a Retrospectiva do SBT, Day garantiu que irá procurar ajuda psicológica. “Pretendo sim! Porque eu também quero saber o que se passa com a minha cabeça”, falou ela que deseja se desculpar com Titi um dia. “Porque não queria que ela crescesse e se sentisse mal por ser negra ou pelas ofensas que eu falei contra ela. Espero que daqui 10 anos, outras notícias vão vir e ela não saiba o que aconteceu 10 ou 9, 8 anos atrás”, comentou.